Beleza Extraordinária

Zona T: entenda o que é a região do rosto e descubra por que acumula mais oleosidade

  • A zona t do rosto é a região que compreende a testa, o nariz, o queixo e por ter uma grande produção de glândulas sebáceas, é importante ter um cuidado especial com essa área! (Foto: Shutterstock)
  • É importante estabelecer uma rotina de cuidados com a pele para evitar o brilho constante na zona T do rosto (Foto: Shutterstock)
  • Para quem tem a pele oleosa é importante usar diariamente o protetor solar facial específico para esse tipo de pele! (Foto: Shutterstock)
Tela cheia
Previous Next
A zona t do rosto é a região que compreende a testa, o nariz, o queixo e por ter uma grande produção de glândulas sebáceas, é importante ter um cuidado especial com essa área! (Foto: Shutterstock)
  • A zona t do rosto é a região que compreende a testa, o nariz, o queixo e por ter uma grande produção de glândulas sebáceas, é importante ter um cuidado especial com essa área! (Foto: Shutterstock)
  • É importante estabelecer uma rotina de cuidados com a pele para evitar o brilho constante na zona T do rosto (Foto: Shutterstock)
  • Para quem tem a pele oleosa é importante usar diariamente o protetor solar facial específico para esse tipo de pele! (Foto: Shutterstock)

Muitas beauty addicts já estão acostumadas com a expressão "zona T" do rosto, no entanto, poucas pessoas sabem o que realmente significa e quais os cuidados devem ser tomados, principalmente para quem tem propensão à pele oleosa e com acne. Para esclarecer várias dúvidas que cercam o assunto, a dermatologista Tatiana Costa contou tudo sobre o tema e falou o que deve ser feito para minimizar o aspecto oleoso do rosto

O que significa a expressão zona T?

Segundo a dermatologista Tatiana Costa, a zona T recebe esse nome porque se trata da região entre a testa, o nariz e o queixo que formam uma espécie de "T" no centro do rosto. A médica ressalta que nesse local há uma grande concentração de glândulas sebáceas que propicia uma maior oleosidade nessa área. "A zona t naturalmente já é a área mais oleosa do rosto e merece cuidados especiais para evitar o aspecto 'brilhoso' da região. Contudo, alguns maus hábitos como o uso de sabonetes inapropriados, o contato constante com o cabelo e a má alimentação podem agravar o problema", explica Tatiana.

Saiba quais são os melhores cuidados para dar adeus a oleosidade na zona T!

Uma rotina de cuidados com a pele é super importante para manter a saúde da derme. O rosto, como recebe diversas agressões externas, naturalmente já está mais exposto a processos de envelhecimento. Como a zona T tem uma maior predisposição à oleosidade, é importante incorporar alguns hábitos essenciais para um dia a dia livre do aspecto "brilhoso" no rosto. Confira a lista de cuidados elaborada pela dermatologista Tatiana Costa para driblar a oleosidade!

- Use sabonetes específicos para a pele oleosa;

- É importante o uso de tônico facial que equilibra o pH da pele e minimiza a sensação de de sensibilidade e irritabilidade da região;

- Aposte no Blur Mágico para disfarçar os poros e controlar a oleosidade da Zona T antes de aplicar a maquiagem;

- O uso de água micelar tanto na limpeza cotidiana, como também para remover a maquiagem, pois ela limpa através das micelas e por isso higieniza a pele de modo suave, sem agressões. Há também a versão com lenços que podem ser levados na nécessaire e são ótimos aliados para controlar a oleosidade cotidiana!

- Evite frituras, bebidas gaseificadas e comidas muito condimentadas, já que esses alimentos ajudam a estimular a produção das glândulas sebáceas.

Protetor solar facial é um ótimo aliado para controlar a oleosidade na zona T!

De acordo com a médica, um cuidado indispensável para controlar a oleosidade na zona T é usar o protetor solar facial todos os dias. Além disso, ela ressalta que é importante estar atenta à algumas informações na hora de escolher o produto. "Para quem sofre com a pele oleosa é indicado sempre optar por cosméticos específicos para esse tipo de pele, pois filtros com outras características podem estimular a produção de oleosidade e também da acne. Os produtos com a indicação de toque seco, com a textura leve e opaca são os melhores para amenizar o problema", conclui.

Temas relacionados
Cabelos danificados têm solução?

Descubra qual é o melhor shampoo para esse problema