Beleza Extraordinária

Trança-moicano e cabelo molhado no dia 2 da semana de moda de Milão

  • No desfile da Prada, o look com cabelo molhado não tem nada de básico. Com a maquiagem pesada, o visual afasta a ideia de "saí de casa correndo, não deu tempo de secar o cabelo!"
  • Estilo para poucas: trançado, o cabelo fez parte um moicano falso no desfile da Fendi
  • Outro ângulo do penteado criado para o desfile da grife Fendi
  • Para a Just Cavalli, o cabelo do inverno será bastante volumoso. Só as raízes livaram-se da chapinha especial para frisar os cabelos
  • Elegante, o rabo de cavalo baixo serviu de base para os chapéus e boinas que compuseram a coleção da Dsquared
  • Mais descolado, o penteado da passarela de Antonio Marras trazia mechas desfiadas e franja falsa
  • Ainda no desfile de Marras, as modelos de cabelos curtos ganharam uma franja estilizada ao gosto dos anos 1920
  • Lisos e repartidos no meio: os cabelos propostos pela Max Mara seguem a tendência básica que surgiu desde a semana de moda de Londres
  • Até a Blugirl, marca mais jovem da Blumarine, que costuma desfilar tiaras e outros enfeites de cabeça, aderiu ao visual mais simples
  • Na passarela da Les Copains o penteado acessível transmite a ideia de que é possível ser um mulherão mesmo sem ousar muito
  • Comportada, a mocinha da Ports 1961 exibe um penteado que lembra o famoso corte de cabelo da modelo Twiggy, famosa na década de 60
Tela cheia
Previous Next
No desfile da Prada, o look com cabelo molhado não tem nada de básico. Com a maquiagem pesada, o visual afasta a ideia de "saí de casa correndo, não deu tempo de secar o cabelo!"
  • No desfile da Prada, o look com cabelo molhado não tem nada de básico. Com a maquiagem pesada, o visual afasta a ideia de "saí de casa correndo, não deu tempo de secar o cabelo!"
  • Estilo para poucas: trançado, o cabelo fez parte um moicano falso no desfile da Fendi
  • Outro ângulo do penteado criado para o desfile da grife Fendi
  • Para a Just Cavalli, o cabelo do inverno será bastante volumoso. Só as raízes livaram-se da chapinha especial para frisar os cabelos
  • Elegante, o rabo de cavalo baixo serviu de base para os chapéus e boinas que compuseram a coleção da Dsquared
  • Mais descolado, o penteado da passarela de Antonio Marras trazia mechas desfiadas e franja falsa
  • Ainda no desfile de Marras, as modelos de cabelos curtos ganharam uma franja estilizada ao gosto dos anos 1920
  • Lisos e repartidos no meio: os cabelos propostos pela Max Mara seguem a tendência básica que surgiu desde a semana de moda de Londres
  • Até a Blugirl, marca mais jovem da Blumarine, que costuma desfilar tiaras e outros enfeites de cabeça, aderiu ao visual mais simples
  • Na passarela da Les Copains o penteado acessível transmite a ideia de que é possível ser um mulherão mesmo sem ousar muito
  • Comportada, a mocinha da Ports 1961 exibe um penteado que lembra o famoso corte de cabelo da modelo Twiggy, famosa na década de 60

Diante das tendências mostradas na semana de moda de Londres e nos dois primeiros dias do evento de moda de Milão, já é possível prever que o cabelo molhado virá com tudo na temporada do frio. O estilo que é a cara do verão por trazer ares de quem acabou de sair da praia/piscina, ganhará companhias super elegantes no inverno: batom vermelho, sombra metalizada e iluminador. A proposta foi de Miuccia Prada, uma das principais lançadoras de moda do mundo.

Para os cabelos secos, a proposta mais diferente do segundo dia da semana de moda milanesa foi vista na passarela da Fendi. Tranças embutidas rentes ao couro cabeludo desceram da testa até a nuca e foram cobertas, no topo da cabeça, por um falso moicano feito com pele de raposa. O penteado não é dos mais fáceis de usar, mas vale a inspiração do falso moicano adaptável para um enfeite mais ecologicamente correto, como um arranjo de flores miúdas.

Na passarela da grife mais jovem de Roberto Cavalli, a Just Cavali, fios com ondulações bem marcadas têm raiz lisa. O penteado dá um bom efeito na passarela, mas é de difícil manutenção no dia-a-dia, já que as ondas poderiam se desfazer com facilidade.

Se no primeiro dia da principal semana de moda da Itália foi a vez dos coques, no dia seguinte, os rabos de cavalo brilharam em versões fáceis de copiar. Na Dsquared, o rabo de cavalo baixo apareceu discretamente sob chapéus e boinas. Com uma mecha enrolada sob o elástico que prende os cabelos, o penteado fica mais elegante em instantes. As que buscam um modelito diferente podem apostar na proposta do desfile de Antonio Marras, que consiste em um rabo de cavalo baixo e levemente desfiado, com repartido lateral e uma mecha larga cruzando a testa como se fosse uma franja.

Cabelos mais simples, em versões quase sempre lisas - não chapadas - e repartidas no meio da cabeça foram vistas nos desfiles da Blugirl, Max Mara e Les Copains.

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial

últimas matérias

Ver mais