Beleza Extraordinária

Texturização capilar: como fazer cachos definidos sem usar química ou calor

  • A texturização capilar ajuda a ter cachos definidos sem pecisar usar química ou calor no cabelo
Tela cheia
Previous Next
A texturização capilar ajuda a ter cachos definidos sem pecisar usar química ou calor no cabelo

O nome pode ser novo, mas a ideia já é bem antiga. A texturização capilar é uma das melhores amigas da mulher cacheada e ajuda a dar forma aos cachos sem precisar de química ou calor. Com o boom das mulheres que estão assumindo seus fios naturais, essa tática voltou com tudo e a toda hora surgem na internet novas formas de fazer o truque. Confira o que é isso, como preparar os fios e 5 jeitos muito fáceis de colocar em prática.

Quem pode fazer a texturização capilar?

Essa tática de dar forma de cacho ao cabelo é muito usada por aquelas mulheres que estão em transição capilar: como a raiz cresce enrolada, mas as pontas ainda estão lisas, essa é uma forma de deixar o visual todo por igual. A texturização capilar também é muito usada por quem já tem seus cachinhos por completo, mas quer dar uma variada no visual: como as possibilidades são muitas, os resultados também são bem diferentes.

Prepare o cabelo antes de colocar a mão na massa

O primeiro aviso para quem vai fazer texturização é que é preciso ter tempo e paciência, mas não se preocupe: o resultado compensa. Comece lavando o cabelo como de costume e depois tire o excesso de água. Aplique o creme de sua preferência e um pouco de gel para garantir a fixação dos cachinhos. Depois disso vale passar algumas gotas de óleo para se certificar que os fios vão ter brilho quando ficarem prontos. A forma mais comum de fazer é texturizar no fim da noite para tirar só de manhã, mas também dá para fazer no mesmo dia: basta fazer de manhã e deixar para tirar à noite. Quem quiser pode usar um secador para agilizar o processo, mas vale lembrar que a ideia inicial era finalizar sem danificar o cabelo.

Confira os tipos de texturização mais populares:

Twist - Essa é uma das texturizações mais simples de fazer e o resultado costuma ser ótimo. Para executar, basta dividir o cabelo em pequenas mechas, separar essas mechas em duas e torcer como se estivesse fazendo uma trança de dois pedaços. Depois que secar, solte cada seção com muito cuidado e pronto: seus cachinhos estão no lugar. Quem prefere um visual menos certinho ainda pode bagunçar um pouco a raiz para criar volume e um aspecto despojado.

Coquinhos - Essa texturização consiste em separar o cabelo em pequenas mechas e depois enrolar minicoques por toda a cabeça. A única ressalva é para o tamanho dos coquinhos: quanto menor ele for, mais fechadinho o cacho ficará, mas se os coques forem grandes, você ganha cachos largos.

Trança - Nessa texturização não há segredo: separe as mechas no tamanho que você quiser o cachinho e trance da forma tradicional. Depois que secar, basta soltar as tranças com muito carinho e o aspecto encaracolado estará lá.

Flexi rods - Também chamados de bigudins, esses estilizadores em formato de rolo são feitos para enrolar o cabelo em volta fazendo círculos bem apertados. A grande diferença é que eles deixam um visual definido em nível perfeito - ideal para quem quer mudar de ares. Existem os tipos de espuma ou de plástico e eles são vendidos em lojas especializadas em cabelo.

Dedoliss - Essa é a única texturização que não precisa esperar secar para ficar pronta. Muito feita em crianças de cabelo cacheado, ela consiste em enrolar os fios com a própria mão. Basta usar o dedo indicador para enrolar uma pequena mecha da raiz até as pontas e pronto: um cacho definido acaba de surgir. Quem quiser se afastar do ar infantil só precisa separar os fios em mechas mais fininhas - segredo principal para um visual natural.

Produtos favoritos
Temas relacionados
Óleo + Creme de pentear

Descubra os benefícios da misturinha