Beleza Extraordinária

Sensibilidade, coceira e falta de brilho: saiba como lidar com a pele ressecada no inverno com alguns cuidados caseiros

  • Quer saber como deixar a pele ressecada com aspecto saudável e hidratado de forma caseira? Fique por dentro dos três passos para recuperar a derme e se livre de incômodos! (Foto: Shutterstock)
  • Se o rosto parece mais ressecado nas estações mais frias, saiba que isso não é uma coincidência. Entenda o que acontece com a pele e saiba a melhor maneira de reestabelecer e proteger a pele (Foto: Shutterstock)
  • A água micelar é uma ótima aliada no ritual de beleza para limpar e tonificar peles sensíveis por ter ingredientes calmantes em sua fórmula (Foto: Shutterstock)
Tela cheia
Previous Next
Quer saber como deixar a pele ressecada com aspecto saudável e hidratado de forma caseira? Fique por dentro dos três passos para recuperar a derme e se livre de incômodos! (Foto: Shutterstock)
  • Quer saber como deixar a pele ressecada com aspecto saudável e hidratado de forma caseira? Fique por dentro dos três passos para recuperar a derme e se livre de incômodos! (Foto: Shutterstock)
  • Se o rosto parece mais ressecado nas estações mais frias, saiba que isso não é uma coincidência. Entenda o que acontece com a pele e saiba a melhor maneira de reestabelecer e proteger a pele (Foto: Shutterstock)
  • A água micelar é uma ótima aliada no ritual de beleza para limpar e tonificar peles sensíveis por ter ingredientes calmantes em sua fórmula (Foto: Shutterstock)

A pele irritada, ressecada ou sensível se torna um problema bem comum em épocas mais frias como o outono e inverno: coceira, manchas vermelhas e rachaduras logo aparecem no rosto e no corpo por causa da perda de umidade natural do organismo, além da baixa hidratação e da rotina com banhos mais quentes. Agora, mesmo que tudo isso prejudique a oleosidade natural da pele e os sinais do ressecamento sejam para lá de incômodos, não é preciso partir para medidas extremas. Em casa, e com a ajuda de alguns cuidados simples, é possível recuperar, hidratar e proteger a pele, devolvendo o brilho e saúde que ela precisa! Saiba como desenvolver esses três passos na matéria.

Primeiro passo: cortar os maus hábitos diários que ressecam a pele

Para começo de conversa, é importante entender que o clima frio não é o único culpado pelo ressecamento cutâneo - na verdade, alguns costumes aparentemente inofensivos podem estar agravando ainda mais a situação da derme e você nem imagina. Por isso, muita atenção: expor o corpo a mudanças muito bruscas de temperatura logo após banhos quentes e esfoliar a pele com muita frequência, por exemplo, são erros que precisam ser evitados por donas de peles secas. Essas práticas enfraquecem a barreira hidrolipídica, camada superficial que protege a derme, e, assim, boa parte da água do corpo se perde.

Segundo passo: resgatar o aspecto hidratado investindo no ritual de beleza diário

Depois de reconhecer os vilões do problema - e de combatê-los! -, é a vez de investir na hidratação da derme com a ajuda de cremes faciais para peles secas, além da limpeza e tonificação com a ajuda da água micelar. Esses rituais, por sinal, devem ser feitos pelo menos de manhã e à noite, todos os dias, para que a cútis seja completamente tratada e renovada. Em geral, o conselho é investir em produtos que contenham substâncias calmantes e hidratantes na composição, a fim de repor a água perdida pela derme. Assim, depois desses cuidados, ela estará pronta para começar a ser protegida dos agentes externos.

Terceiro passo: manter a pele protegida com a ajuda do protetor solar diariamente

Mais calma e hidratada, a pele saudável agora deve ser conservada! Na prática, para que ela fique segura da influência da temperatura, poluição e outros problemas, é importante investir na aplicação diária do protetor solar. O motivo é que por estar naturalmente um pouco mais sensível, a derme fica consequentemente mais suscetível aos danos que os raios solares causam, como manchas e até mesmo o envelhecimento precoce.

Sendo assim, é preciso investir nos protetores solares em versões específicas para corpo e rosto, aplicando uma camada do produto com o FPS adequado para a exposição solar a que você costuma se expor - lembrando sempre de reaplicá-lo durante o dia, mesmo nas estações menos ensolaradas. Dessa forma, a pele será completamente protegida e as melhorias ficarão aparentes em menos tempo do que você imagina!

Temas relacionados
Cicatrização capilar:

o que é e por que apostar? Confira!