Beleza Extraordinária

Rugas no rosto: conheça os 4 tipos diferentes e saiba qual a melhor forma de combater cada uma

  • Conheça os 4 tipos de rugas existentes e saiba como tratar cada um
Tela cheia
Previous Next
Conheça os 4 tipos de rugas existentes e saiba como tratar cada um

Com o passar do tempo, a pele vai começando a apresentar os temidos sinais de envelhecimento e as rugas são uns dos mais temidos. Para eliminar e prevenir as marcas de expressão, existem inúmeros tratamentos específicos no mercado, porém nem toda ruga é igual e, por isso, é essencial saber reconhecer os vários tipos de linhas para apagá-las da forma mais eficaz possível. Conheça os 4 tipos mais comuns de rugas no rosto e aprenda a evitá-las!

1. Linhas de expressão

Como o nome indica, as linhas de expressão são rugas que se formam através da repetição constante de movimentos faciais. Elas se formam frequentemente ao redor dos olhos, formando os famosos "pés-de-galinha", na testa e entre as sobrancelhas e ainda ao redor da boca, formando o "bigode chinês". Este tipo de rugas pode ser causado tanto pelas expressões que acompanham a fala quanto pelos movimentos feitos na hora de se maquiar. Para as combater, vale a pena apostar nos produtos que contenham substâncias antioxidantes e vitamina E

2. Rugas elásticas permanentes

 

As rugas elásticas permanentes são consequência do envelhecimento genético e podem ser agravadas pela exposição solar sem proteção ao longo da vida. Elas aparecem por conta do afinamento da pele e ainda da perda intensa de colágeno, surgindo geralmente nas bochechas, lábio superior e base do pescoço. É essencial aplicar um protetor solar com FPS elevado todos os dias; e para atenuar as linhas, vale incluir o retinol na sua rotina de beleza.

3. Rugas gravitacionais

Já as rugas gravitacionais são causadas única e exclusivamente pelo impacto da gravidade na pele, fazendo com que ela perca elasticidade e fique com aquele aspecto "descaído". Comummente, são dobras que se formam nas laterais do rosto, onde a pele é mais fina, formando dobras e linhas inestéticas. Os liftings cirúrgicos são os tratamentos mais eficazes para reverter o problema, mas para o prevenir, as massagens faciais são superindicadas. 

4. Linhas finas

Este tipo de rugas está intimamente ligado à perda de colágeno e se forma mais frequentemente em quem tem pele muito branquinha. Elas costumam aparecer precocemente em vários locais do corpo e se devem à exposição diária aos raios solares. Para as combater, além da proteção solar, a hidratação é fundamental. Além disso, peelings superficiais também ajudam bastante, bem como ingredientes como o pró-Retinol A e ainda o ácido retinóico.

Produtos favoritos
Temas relacionados
Óleo + Creme de pentear

Descubra os benefícios da misturinha