Beleza Extraordinária

Reconstrução capilar: todas as vantagens de incluir o tratamento nos cuidados de todos os tipos de cabelo

  • Até mesmo a exposição aos raios solares pode danificar os cabelos. Saiba como a reconstrução capilar auxilia na reparação de danos em todos os tipos de fio! (Foto: Instagram @abbiecurls)
  • A reconstrução também é importante para cabelos sensibilizados por uso de ferramentas de calor, como chapinhas. (Foto: Instagram @aysha.sow)
  • Para cabelos descoloridos ou quimicamente tratados, a máscara de reconstrução deve ter foco no dano pós-química. (Foto: Instagram @ravenlyse)
Tela cheia
Previous Next
Até mesmo a exposição aos raios solares pode danificar os cabelos. Saiba como a reconstrução capilar auxilia na reparação de danos em todos os tipos de fio! (Foto: Instagram @abbiecurls)
  • Até mesmo a exposição aos raios solares pode danificar os cabelos. Saiba como a reconstrução capilar auxilia na reparação de danos em todos os tipos de fio! (Foto: Instagram @abbiecurls)
  • A reconstrução também é importante para cabelos sensibilizados por uso de ferramentas de calor, como chapinhas. (Foto: Instagram @aysha.sow)
  • Para cabelos descoloridos ou quimicamente tratados, a máscara de reconstrução deve ter foco no dano pós-química. (Foto: Instagram @ravenlyse)

A reconstrução capilar é um tratamento fundamental para cabelos saudáveis. Se o seu cabelo está sofrendo com problemas como ressecamento, porosidade, opacidade e pontas duplas, talvez ele esteja precisando de uma reconstrução.

Esse tratamento auxilia na reparação desses e outros danos comuns em cabelos sensibilizados, devolvendo nutrientes perdidos pela fibra capilar e fortalecendo os fios. Especialmente em cabelos danificados por químicas e ferramentas de calor, como secador e chapinha.

Apesar de a reconstrução caseira ter ficado mais conhecida recentemente com a popularização do cronograma capilar, muitas pessoas ainda não conhecem todos os benefícios dessa etapa ou acreditam que é um procedimento que só pode ser feito no salão. Pensando nisso, o Beleza Extraordinária vai explicar as vantagens de adicionar esse tratamento na sua rotina de cuidados com o cabelo.

Reconstrução capilar: entenda importância do tratamento nos cuidados com os cabelos

A reconstrução capilar é um tratamento feito para realinhar as cutículas do cabelo - camada externa protetora dos fios - e repor as proteínas perdidas devido a agressões que as madeixas tenham sofrido de forma direta ou indireta.

As proteínas, assim como a água e os lipídios, são nutrientes extremamente importantes para os cabelos porque fazem parte da estrutura da fibra capilar. Mas, devido ao uso de ferramentas de calor, exposição aos raios solares e uso de químicas, os fios perdem esses nutrientes e ficam fragilizados. 

Por esse motivo, a reconstrução é indicada para todos os tipos de cabelo: naturais ou com química, lisos ou cacheados e crespos, já que nenhum tipo de fio está imune às agressões externas. A boa notícia é que você não precisa fazer o procedimento no salão, porque a reconstrução caseira também é eficaz no tratamento dos cabelos, desde que feita com a frequência e os produtos adequados.

A reconstrução capilar devolve a proteína de fios danificados devido a agressões do dia a dia

Diariamente nossos cabelos são expostos a diversas agressões externas, como os raios solares e vento, além das causadas pelo uso de secadores, chapinhas e babyliss. A constante exposição a essas agentes externos e mecânicos faz com que a fibra capilar perca aqueles nutrientes importantes que compõem a sua estrutura, incluindo as proteínas. Isso pode acontecer tanto com cabelos naturais, quanto com cabelos coloridos ou transformados por química.

Como consequência da falta de proteínas, os cabelos ficam opacos, ressecados e, em alguns casos, com pontas duplas e quebradiços. É aí que entra a reconstrução: para devolver esses nutrientes importantes para a saúde da fibra capilar e que vão auxiliar na reestruturação dos cabelos danificados.

Para fazer o tratamento de reconstrução capilar caseiro nesses casos, uma dica é escolher uma máscara que tenha como proposta o tratamento dos danos diários e a cicatrização capilar.

Em cabelos coloridos descoloridos e com química, a reconstrução reestrutura a fibra capilar e previne quebras

Para quem tem cabelos descoloridos, coloridos ou quimicamente tratados, a reconstrução capilar é ainda mais importante. Nesses casos, os fios sofrem agressões duplas: além dos danos externos, do dia a dia, ainda há os efeitos dos produtos químicos sobre o cabelo.

É muito comum que cabelos com acúmulo de químicas apresentem problemas como ressecamento, pontas duplas e porosidade quando eles não são tratados corretamente. Isso acontece porque algumas químicas mais agressivas penetram muito profundamente na fibra capilar e também removem nutrientes importantes para a saúde do fio. Como consequência, os cabelos podem ficar rígidos, fracos e quebradiços.

Por esse motivo, é imprescindível incluir o ritual de reconstrução capilar caseiro na rotina dos cabelos quimicamente tratados para reestruturar os fios após as agressões. A reposição de proteínas importantes, como a queratina, vai auxiliar na prevenção da quebra, fazendo com que as madeixas estejam fortes antes, durante e depois dos procedimentos.

Nesses casos, recomenda-se o uso de uma máscara de reconstrução pós-química, que geralmente são desenvolvidas com ativos, como a pró-queratina e bioceramidas, que são específicos para combater os danos encontrados nesse tipo de cabelo.

Quando e como usar a máscara de reconstrução: dicas para fazer o tratamento em casa 

Para saber se o seu cabelo está precisando de uma reconstrução no momento, uma dica é observar se ele apresenta alguns sinais de dano, como ressecamento, opacidade, porosidade e quebra.

Quanto à frequência da reconstrução capilar, a necessidade do tratamento vai variar de acordo com o estado de saúde dos seus fios. Em cabelos extremamente danificados e fracos pelo uso de químicas, por exemplo, a recomendação é utilizar a máscara de reconstrução semanalmente até que os cabelos estejam fortes novamente. Depois, a frequência do tratamento pode ser reduzida para uma vez a cada 15 dias.

Já em cabelos naturais e com poucos danos, recomenda-se fazer a reconstrução capilar mensalmente. Uma vez que o objetivo desse tratamento é repor proteínas, exagerar no ritual de reconstrução capilar caseiro pode sobrecarregar e enrijecer os fios. O ideal é alternar esse tratamento com as hidratações e as nutrições, criando um cronograma capilar para o seu tipo de cabelo.

Procure utilizar um creme de reconstrução capilar rico em componentes como as ceramidas. Esse ativo irá agir na camada hidrolipídica da fibra capilar, criando uma barreira que não só vai reestruturar os fios, como também prevenir a perda de nutrientes.

Lembre-se também que os cuidados capilares já começam na lavagem. Por isso, é recomendável adicionar uma linha de shampoo e condicionador reconstrutores na sua rotina de reconstrução caseira. A aplicação da máscara de reconstrução deve ser feita após o shampoo e o condicionador deve ser aplicado depois da remoção do creme, para selar o tratamento.

Redação: Amanda Cardoso

Temas relacionados
Canal de L'Oréal Paris

10 vídeos para você assistir enquanto espera a hidratação

últimas matérias

Ver mais