Beleza Extraordinária

Radicais livres: descubra como combater os principais danos para os cabelos

  •  Os radicais livres modificam a estrutura do couro cabeludo e causam a perda do brilho e do viço das madeixas
Tela cheia
Previous Next
Os radicais livres modificam a estrutura do couro cabeludo e causam a perda do brilho e do viço das madeixas

Vaidosas por natureza, as mulheres seguem uma busca constante por procedimentos que valorizem ainda mais a sua beleza, evidenciando cabelos cada vez mais bonitos e saudáveis. Nessa procura incansável, acabam se deparando com denominações pouco conhecidas pelo público feminino, mas que podem fazer toda a diferença para a saúde dos fios. Os radicais livres, átomos temido pelas mulheres, fazem parte dessa extensa lista de vilões da beleza, modificando a estrutura do couro cabeludo e causando a perda do brilho e do viço das madeixas. "Os efeitos dos radicais livres podem ser devastadores. Os cabelos perdem brilho e vigor, podem ficar ressecados e enfraquecidos, com o risco de queda ou branqueamento precoce. Os radicais livres agem modificando a estrutura do couro cabeludo e alterando o bulbo capilar", explicou a dermatologista Vivilaine Campelo, do Instituto da Pelle.

Formação excessiva de radicais livres desequilibra as funções celulares e causa danos aos fios

Provenientes sobretudo do oxigênio, os radicais livres são moléculas instáveis, com número ímpar de elétrons, que ao reagirem com outras substâncias podem desequilibrar as funções celulares. "Nosso organismo produz radicais livres através das células na metabolização do oxigênio. E é esse mesmo oxigênio que faz com que nossas células se oxidem, produzindo os radicais livres. Mas essa não é a única fonte de radicais em nosso organismo. Cigarro, estresse, poluição, álcool e gorduras saturadas também são fontes de radicais livres", alertou a cosmetologista Solange Garcia.A ação desses agentes externos pode gerar uma formação excessiva de radicais livres, em uma concentração superior ao poder de equilíbrio interno e comprometer a síntese de melanina, provocando a perda acelerada da coloração natural do cabelo.

O contato excessivo dos fios com as ações das radiações solares também podem causar a formação dessas moléculas e gerar efeitos no couro cabeludo parecidos com o do restante da pele. "A energia da radiação solar é capaz de gerar essas espécies reativas, em alguns tipos de moléculas como lipídeos e proteínas, iniciando um processo reacional. No caso dos cabelos escuros, há uma proteção do couro cabeludo, mas nos cabelos muito claros ou ralos, essa proteção física deixa de existir e são observados no couro cabeludo os mesmos efeitos da fotoexposição que se observa na pele do resto do corpo", explicou a cosmetologista Maria Inês Harris.

Perda do pigmento natural e do brilho dos cabelos são as principais malefícios das moléculas

A formação excessiva de radicais livres nos cabelos pode causar um desequilíbrio nas funções celulares e gerar diversas ações prejudiciais para os fios, como a perda do pigmento natural e do brilho. "Há diversas ações atribuídas à ação de radicais livre na haste capilar: clareamento dos fios, pela oxidação da melanina (se for de cor natural) ou de pigmentos (tinturas e rinsagens), oxidação dos lipídeos que recobrem os fios prejudicando o alinhamento das cutículas - afetando o brilho e deixando os cabelos mais embaraçados - e também a oxidação das queratinas, tanto da cutícula como do córtex tornando as fibras quebradiças", alertou a cosmetologista.

Produtos antioxidantes ajudam a amenizar os danos

Para evitar que os radicais livres sejam formados e amenizar os seus principais danos, é importante investir em antioxidantes. "Os antioxidantes podem atuar de diversas formas, eliminando os radiciais livres formados ou então impedindo a sua formação. Sem o agente agressor, a estrutura da haste e sua beleza são preservadas", explicou a especialista Maria Inês Harris.

Segundo a dermatologista Vivilaine Campelo é possível combater a ação dos radicais livres com o uso de produtos e suplementos antioxidantes. "Eles agem amenizando a oxidação capilar. A maioria é rica em licopeno, ômega 3 e vitaminas C e E", explicou a dermatologista. Os produtos antioxidantes, no entanto, têm suas ações pontecializadas quando utilizados em conjunto com filtro solar contra raios UV. "Produtos cosméticos como shampoos, máscaras e condicionadores ricos nesses minerais associados a filtro solar específico para cabelo são excelente fonte de prevenção. Ou mesmo cápsulas ricas em minerais, que agirão internamente como os alimentos", explicou a cosmetologista Solange Garcia. Além dos shampoos, uma alimentação rica em vitaminas C e E também pode ajudar a prevenir a saúde dos fios, mantendo as células saudáveis.

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial