Beleza Extraordinária

Quais são os benefícios da arginina para os cabelos finos? Saiba como a substância age nos fios

  • Arginina é capaz de deixar os cabelos finos mais encorpados
Tela cheia
Previous Next
Arginina é capaz de deixar os cabelos finos mais encorpados

A arginina é um aminoácido essencial que está presente na queratina capilar, mas que não é produzida naturalmente pelo corpo humano, por isso, deve ser adquirida através da alimentação ou aplicada diretamente sobre os cabelos. Com a reposição da substância, os componentes superficiais e internos dos fios podem ser reconstruídos, o que traz diversos benefícios para os cabelos, especialmente, os finos.

Arginina penetra facilmente nos cabelos


"Quando nossos cabelos estão muito frágeis e danificados ocorre um aumento nos sítios negativamente carregados em sua superfície. Podemos verificar isto através de uma microscopia eletrônica, como, por exemplo, ao perceber escamas abertas na cutícula capilar. E a arginina atua como um cátion que interage com os sítios negativamente carregados", explica a dermatologista Gabriella Albuquerque.

Ou seja, por ter um baixo peso molecular e carga positiva dupla, a arginina consegue penetrar facilmente pelas diversas camadas da fibra capilar e ser rapidamente absorvida. "Então, quando fornecemos este aminoácido para um cabelo danificado, ele tem a capacidade de reconstruir os fios de fora para dentro", complementa a profissional, coordenadora da Sociedade de Dermatologia do Rio de Janeiro.

Madeixas ficam mais encorpadas


"Através desta ação, os fios finos ganharão a aparência de mais encorpados. Além disso, os cabelos ainda ficam mais resistentes contra os agressores externos, como a radiação ultravioleta", afirma Gabriella. Isto acontece porque ao ser aplicada sobre as madeixas, a arginina forma uma película capaz de fechar as escamas capilares e conserva a fibra dos desgastes do dia a dia.

Os efeitos podem ser rapidamente percebidos. "Os resultados já podem ser notados a partir da primeira aplicação, mas é necessário o uso frequente para manutenção e otimização do tratamento", finaliza a dermatologista. Com as aplicações frequentes, a arginina também ajudará a desobstruir o bulbo capilar e reativar a microcirculação sanguínea, o que ajudará a diminuir a queda e a quebra dos fios, fazendo-os crescer mais resistentes e saudáveis.
Temas relacionados
Canal de L'Oréal Paris

10 vídeos para você assistir enquanto espera a hidratação