Beleza Extraordinária

Pontas ressecadas: descubra o que são e saiba como prevenir e recuperar

  • Saiba tudo sobre as pontas ressecadas e aprenda a prevenir e tratar o problema
Tela cheia
Previous Next
Saiba tudo sobre as pontas ressecadas e aprenda a prevenir e tratar o problema

As pontas ressecadas são uma das reclamações capilares mais comuns entre as mulheres, especialmente incômodas para quem gosta de manter os cabelos longos e com aspecto saudável. Processos químicos, abuso de ferramentas quentes como chapinha e secador, muito sol, praia e piscina - as causas para a falta de hidratação nas pontas do cabelo são inúmeras, e apesar da rotina regrada e dos cuidados, muitas não conseguem acabar com o problema sem cortar. No entanto, existem alguns truques que podem deixar as visitas ao salão menos frequentes. Entenda como se formam e saiba como recuperar as pontas danificadas sem se render à tesoura!

Desgaste da fibra capilar é o grande vilão das pontas duplas

Se você tem pontas ressecadas, certamente já as observou de perto: o fio de cabelo ganha aspecto espigado e muitas vezes reparte-se em duas ou mais frações na ponta, e essa divisão vai abrindo cada vez mais se não se tomarem os cuidados adequados. Isto acontece por conta do desgaste causado por processos externos, como as químicas, uso de ferramentas de calor ou exposição ao sol e poluição. Assim, as três camadas que constituem a fibra capilar cabelo abrem, fragmentando-se e criando o temido efeito de ponta dupla. 

Hidratação e proteção são essenciais para manter as pontas saudáveis

A melhor forma de prevenir o aparecimento das pontas ressecadas é caprichar na hidratação, com uma linha de produtos adequados para quem tem cabelos secos ou danificados. Na lavagem do dia a dia, a dica é evitar o acúmulo de resíduos concentrando os produtos hidratantes apenas no comprimento dos fios, e uma a duas vezes por semana reserve alguns minutos para aplicar um creme de tratamento profundo. Outra dica para evitar o ressecamento das pontas é sempre proteger o cabelo com uma fórmula termoprotetora antes de secar ou usar a chapinha e o babyliss. Mesmo quando prefere deixar os fios secar ao ar livre, é importante aplicar um bom creme de pentear para hidratar e ajudar a desembaraçar os nós sem agredir a fibra capilar. 

Selagem com óleos ou produtos reconstrutores garante recuperar as pontas sem cortar

Quem não é fã de cortar os cabelos mas já está com as pontas danificadas deve procurar um tratamento de selagem para garantir que a fragmentação da fibra não se desenvolva ainda mais. A plástica capilar é uma das melhores opções para conseguir o efeito, repondo nutrientes e restaurando a fibra do cabelo ao mesmo tempo que blinda as pontas e toda a cutícula do fio. Máscaras reconstrutoras à base de proteínas e ceramidas também são ótimas aliadas na recuperação das pontas danificadas, e os reparadores de pontas aplicados regularmente, também ajudam a nutrir e disfarçar o aspecto espigado.

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial

últimas matérias

Ver mais