Beleza Extraordinária

Parar de tomar anticoncepcional dá espinha? Saiba como lidar com o aumento da oleosidade no rosto

  •  Parar de tomar anticoncepcional pode causar algumas mudanças na sua pele. Entenda mais sobre o assunto na matéria (Foto: Instagram @freshlengths)
Tela cheia
Previous Next
Parar de tomar anticoncepcional pode causar algumas mudanças na sua pele. Entenda mais sobre o assunto na matéria (Foto: Instagram @freshlengths)

Você parou de tomar o anticoncepcional e as espinhas começaram a surgir - será que uma coisa tem a ver com a outra? A resposta é que sim, provavelmente a interrupção da pílula pode ter a ver com o aumento da oleosidade no rosto e, consequentemente, o surgimento das inflamações na pele.

Mas por que isso acontece? Qual é a melhor forma de tratar a acne e a pele oleosa? Continue lendo a matéria para tirar suas dúvidas e entender como montar uma rotina de cuidados eficiente.

Por que depois que parei o anticoncepcional fiquei com espinhas?

A pergunta aqui em cima é um clássico - e na maioria das vezes não é mera coincidência. Parar a pílula pode resultar no aumento da produção de sebo, especialmente em mulheres que começaram a tomar o remédio para controlar esse problema.

Motivos: o que acontece é que algumas pílulas contêm ciproterona na composição - que nada mais é do que uma substância que atua na diminuição da acne facial. Além disso, progesterona e andrógenos voltam a ser produzidos pelos ovários com a suspensão do anticoncepcional - e essa produção hormonal pode causar espinhas.

Como tratar a pele oleosa depois de parar a pílula?

Primeiro de tudo, é importante procurar a ajuda de um dermatologista para entender se a acne tem a ver com a parada da pílula. Nem sempre o anticoncepcional é o culpado pelo sintomas que surgem depois da suspensão do seu uso, viu? Vale investigar a fundo!

De qualquer forma, ainda em casa, é possível criar uma rotina de cuidados com a pele para amenizar o problema aos poucos, controlando o sebo com limpeza, esfoliação e hidratação na medida certa.

4 passos para inserir na rotina de pele após parar com o anticoncepcional

- Limpar a pele duas vezes ao dia: o entupimento dos poros acontece pelo excesso de sebo e sujeirinhas nos poros, e a melhor forma de controlar essa situação é higienizar o rosto com uma solução leve e não oleosa pelo menos duas vezes ao dia. Aqui, a água micelar é uma boa alternativa já que se adequa a todos os tipos de pele e não precisa de enxágue;

- Usar máscaras de argila vermelha e verde: outra forma eficiente de amenizar a oleosidade na pele e eliminar as células mortas é apostar na máscara de argila. Em especial, a argila verde - por ser indicada para equilibrar a produção do óleo nas glândulas - e a argila vermelha - por esfoliar o rosto e renovar a pele;

- Usar um hidratante facial à base de água: sabia que quando a pele não está hidratada, o organismo começa a produzir mais óleo na tentativa de compensar o ressecamento? Para evitar esse efeito, a dica é manter o rosto sempre hidratado com um creme à base de água, sem óleo na composição;

- Apostar num protetor solar oil free: outro produto muito importante, e que também precisa ser oil free, é o filtro solar. Ele precisa ser usado diariamente para prevenir diversos problemas de pele e, nesse caso, evitar que as manchinhas da acne sejam permanentes.

Redação: Raquel Carletto

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial

últimas matérias

Ver mais