Beleza Extraordinária

Oleosa, seca, mista ou normal: descubra qual é o seu tipo de pele e aprenda os cuidados básicos!

  • Quem sofre com oleosidade deve investir em sabonetes que limpem e ajudem a desobstruir os poros (Foto: Pixelformula)
  • A pele mista precisa de produtos dupla ação, que combinação hidratação e controle da oleosidade (Foto: Pixelformula)
  • A pele seca precisa de uma hidratação a mais para não ficar descascada e com aparência opaca (Foto: Pixelformula)
Tela cheia
Previous Next
Quem sofre com oleosidade deve investir em sabonetes que limpem e ajudem a desobstruir os poros (Foto: Pixelformula)
  • Quem sofre com oleosidade deve investir em sabonetes que limpem e ajudem a desobstruir os poros (Foto: Pixelformula)
  • A pele mista precisa de produtos dupla ação, que combinação hidratação e controle da oleosidade (Foto: Pixelformula)
  • A pele seca precisa de uma hidratação a mais para não ficar descascada e com aparência opaca (Foto: Pixelformula)

Para deixar a pele bonita e saudável é preciso investir em uma rotina de cuidados. Mas, para escolher os produtos certos e definir os tratamentos indispensáveis, o primeiro passo é saber se você faz parte do grupo das oleosas, secas ou mistas. Se você ainda não sabe ou tem dúvidas sobre qual é o tipo da sua cútis, essa matéria é especialmente para você: confira as principais características de cada uma e descubra qual delas é a sua!

Pele Oleosa 

A principal característica desse tipo de pele é a alta produção das glândulas sebáceas, responsáveis pela aparência brilhosa em vários pontos do rosto - principalmente, na chamada "zona T", que compreende nariz e testa - e os poros mais dilatados. Por causa da concentração de óleo nessa região, quem tem esse tipo de cútis costuma ter uma maior tendência à acnes e espinhas, mas, apesar desse lado negativo, uma de suas maiores vantagens é ser menos suscetível ao envelhecimento precoce. 

Se você faz parte desse grupo, é muito importante fazer uso de um sabonete que ajude a limpar e desobstruir os poros; usar um hidratante de textura leve e um filtro solar de toque seco para não aumentar a gordura; fazer uma esfoliação caprichada duas vezes na semana e se certificar de retirar bem todo resquício de maquiagem antes de dormir. 

Pele Seca

Diferentemente da pele oleosa, a seca tem uma aparência mais opaca e não conta com poros muito visíveis. Por ser menos hidratada, costuma sofrer com descamação e aspecto avermelhado, além de ser mais propensa ao aparecimento de rugas e marcas de expressão por causa da textura ressecada. 

Sendo assim, uma das medidas indispensáveis para quem tem esse tipo de pele é nunca abrir mão da hidratação pela manhã e antes de dormir, usando produtos específicos para facilitar a reposição de água que a textura mais seca precisa. Além disso, também é preciso tomar o cuidado de escolher sabonetes de limpeza mais leves para não piorar o ressecamento e fazer a esfoliação com um espaço de 15 dias para não sofrer com o efeito rebote. 

Pele Mista

Junte as características da pele oleosa com a seca e já é possível entender como funciona a pele mista. Nela, a concentração excessiva de óleo e os poros dilatados se concentram apenas na "zona t", enquanto as demais áreas do rosto têm as mesmas características da cútis mais ressecada. 

Por contar com características desses dois grupos, pode ser difícil descobrir qual o tratamento ideal para a pele mista. Mas, para tomar os devidos cuidados sem prejudicar nenhum dos lados, o segredo é priorizar produtos de dupla ação - que aliam hidratação e controle de óleo - e, no caso da esfoliação, seguir frequências diferentes de acordo com o ponto do rosto: uma vez por semana na zona oleosa e a cada 15 dias apenas nos outros pontos. 

Pele Normal

Possuir pele normal é algo pouco comum, mas há quem faça parte desse grupo. Como o nome já indica, esse tipo se caracteriza por ter uma hidratação sob medida - ou seja, sem excesso de oleosidade e, também, sem o desagradável aspecto ressecado e opaco que é comum às mais secas. Com aparência saudável e textura bonita, ela também conta com a vantagem de não sofrer com cravos e espinhas e, assim como a oleosa, não ser propensa ao envelhecimento precoce. 

Na rotina de beleza, a dica principal é tomar os cuidados básicos de qualquer tipo de pele - como escolher um sabonete para lavar o rosto pela manhã e antes de dormir , sempre retirar a maquiagem, usar um creme específico para manter a hidratação em dia e reservar um tempinho para a esfoliação - que deve ser feita um vez na semana. 

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial

últimas matérias

Ver mais