Beleza Extraordinária

O que são rugas? Dermatologista explica como se formam as linhas de expressão e entrega opções de tratamento para rejuvenescer o rosto

  • Existem 2 tipos principais de rugas: as dinâmicas, que são como linhas de expressão, e as estáticas, que são fissuras profundas na pele  (Foto: Shutterstock)
  • As rugas no rosto podem ser causadas pela exposição solar sem proteção, já que os raios de sol quebram as fibras de colágeno na pele (Foto: Shutterstock)
  • Os tratamentos para os dois tipos de rugas podem ser feitos com cremes anti idade, aplicações de botox, ácido hialurônico ou peelings (Foto: Pixelformula)
Tela cheia
Previous Next
Existem 2 tipos principais de rugas: as dinâmicas, que são como linhas de expressão, e as estáticas, que são fissuras profundas na pele (Foto: Shutterstock)
  • Existem 2 tipos principais de rugas: as dinâmicas, que são como linhas de expressão, e as estáticas, que são fissuras profundas na pele  (Foto: Shutterstock)
  • As rugas no rosto podem ser causadas pela exposição solar sem proteção, já que os raios de sol quebram as fibras de colágeno na pele (Foto: Shutterstock)
  • Os tratamentos para os dois tipos de rugas podem ser feitos com cremes anti idade, aplicações de botox, ácido hialurônico ou peelings (Foto: Pixelformula)

Muito se fala sobre rugas e sobre os cuidados que se deve ter para uma pele impecável e livre desse sinal da idade. Mas você sabe porque elas se formam e como identificá-las na pele? De acordo com a dermatologista Luciana de Abreu, existem dois tipos de rugas: as dinâmicas, que só aparecem na hora de movimentar o rosto, e as rugas estáticas, que são mais profundas. "São aquelas linhas e sulcos que permanecem como fissuras na pele, mesmo quando estamos sem movimentar o rosto, ou seja, em repouso, sem usar os músculos da mímica facial", explicou a especialista. Confira mais detalhes sobre as rugas e saiba como tratar.

Como as rugas se formam? 

Rugas e flacidez são inevitáveis na pele madura. É um sinal de envelhecimento natural do corpo, mas você sabia que elas também podem se formar devido à exposição solar sem proteção? "O envelhecimento da pele envolve fatores extrínsecos, entre eles, o sol e radiação ultravioleta, e os fatores intrínsecos, que são endógenos relacionados à genética e envelhecimento ou senescência celular cronológica", explicou a dermatologista Luciana de Abreu.   

De acordo com a especialista, o envelhecimento causado pela exposição solar sem proteção é diferente do envelhecimento natural, e deixa a pele mais amarelada e flácida porque o sol ataca as fibras de colágeno. "O envelhecimento relacionado à fotoexposição solar desencadeia tom amarelado e opaco, sem viço na pele, além de manchas escuras e flacidez por perda de sustentação das fibras colágenas, que são quebradas", explicou Luciana. 

Quais são os tipos e a aparência exata de uma ruga? 

De acordo com a especialista, existem 2 principais tipos de rugas: as dinâmicas e as estáticas. As primeiras são aquelas que só aparecem ao falar, ao sorrir ou ao chorar. "As dinâmicas são depressões e sulcos que se formam na pele quando movimentamos os músculos faciais da mímica facial. Só aparecem quando estamos mexendo o rosto, sorrindo, fazendo caretas", explicou. 

Já as estáticas são mais profundas e podem ser vistas até mesmo com o rosto parado. "São aquelas linhas e sulcos que permanecem como fissuras na pele, mesmo quando estamos sem movimentar o rosto, ou seja, em repouso, sem usar os músculos da mímica facial. Mesmo assim, as linhas das rugas são aparentes e visíveis, pois já se formou uma 'rachadura' mais profunda na pele", explicou com detalhes a especialista. 

Quais os tratamentos indicados para acabar com as rugas dinâmicas? 

Para quem quer minimizar os efeitos das rugas em casa, os cremes anti-idade são sempre uma ótima opção porque podem conter Retinol, vitamina E, Pro-Xylane e outros componentes que combatem a flacidez e ajudam na hidratação. Mas para quem quer um resultado a curto prazo, a avaliação de um dermatologista é fundamental para definir a intensidade da ruga. Para as rugas dinâmicas, vale começar pelo botox para prevenir rugas mais profundas. "A indicação de iniciar as aplicações de botox é vantajosa para prevenir o aprofundamento das rugas dinâmicas, para evitarmos que se tornem rugas estáticas. Então, quando a pele começa a mostrar as primeiras linhas finas de rugas estáticas nos locais da mímica facial, pode estar na hora de começar as aplicações de botox", explicou a dermatologista.

Ainda segundo ela, a função do botox é promover o relaxamento da musculatura mímica facial, suavizando e as rugas e, algumas vezes, se for indicado corretamente, pode até eliminar totalmente esses sinais, deixando a pele lisa novamente. 

Quais são os tratamentos mais recomendados para rugas estáticas? 

Para quem já tem rugas mais profundas, como os temidos "bigode chinês " e a ruga da "marionete", por exemplo, a dermatologista indica o uso de ácido hialurônico, componente que também pode ser encontrado em cremes anti idade ou aplicado em clínicas. "Para rugas estáticas profundas, geralmente indicamos preenchimentos com ácido hialurônico, que suaviza e volumiza a depressão do relevo cutâneo, e estimula hidratação e colágeno locais", explicou. Outras opções, de acordo com Luciana de Abreu, são os peelings, lasers, luz pulsada e microagulhamento. "São tratamentos que podem ser associados para potencializar os resultados para suavizar e eliminar as rugas estáticas", indicou. 

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial

últimas matérias

Ver mais