Beleza Extraordinária

O creme facial pode parar de funcionar? Confira a explicação de uma dermatologista

  • Dermatologista esclarece se o creme facial pode parar de funcionar na pele após algum tempo de uso
Tela cheia
Previous Next
Dermatologista esclarece se o creme facial pode parar de funcionar na pele após algum tempo de uso

Muitas mulheres têm a sensação de que o creme facial parou de funcionar na pele, de repente, após algum tempo de uso. Ou então, que o produto não fez o que prometia na embalagem, mesmo no prazo de validade. Essa impressão de que o creme não funciona ou que a pele do rosto "acostumou" com um certo produto pode ter algumas explicações relacionadas ao armazenamento, limpeza e, principalmente, resistência da pele - fato que gera dúvidas curiosas entre muitas mulheres. Para tirar todas as dúvidas, confira as explicações da dermatologista Gabriella Albuquerque!

Sensação de pele 'acostumada' com o produto pode existir

Uma das questões para o creme facial não fazer mais o efeito de antes é simples: no início da aplicação ou do tratamento, se a pele não recebia nenhum produto, os efeitos são muito mais percebidos. Após algum tempo, tanto você quanto a pele deixam de reparar nos resultados. "A pele pode ter se 'acostumado' com o produto, ou seja, ela já não sente as mesmas reações que anteriormente. A paciente pode notar que o brilho que conseguia antes já não consegue mais ou que a pele já não está mais tão fina quanto antes", explicou a dermatologista Gabriella Albuquerque, coordenadora do Departamento de Laser da Sociedade de Dermatologia do Rio de Janeiro. Ainda de acordo com a especialista, isso significa que o produto já cumpriu a função, e a dica é procurar um dermatologista para conferir quais cremes podem substituí-lo. 

Lavar o rosto corretamente pode melhorar o resultado do creme

Nenhum produto agirá corretamente se a pele estiver suja, isto é, sem uma pré-limpeza caprichada com sabonete específico. Essa é outra razão muito comum para os ativos do creme não funcionarem bem, já que as impurezas da pele vão servir como barreira, impedindo que eles penetrem de forma correta. Por isso, a dermatologista Gabriella adianta a dica: "Lave o rosto com sabonete de ácido glicólico antes de aplicar o creme. Ele abre os poros para que o produto penetre melhor na pele. Depois, aplique uma quantidade um pouco maior do produto e verifique se o resultado melhorou. Aplique mais de uma vez o produto, mas antes verifique se ele pode ser reaplicado durante o dia, porque alguns ácidos só podem ser usados à noite", indicou. Nesses casos, é importante lembrar que, para usar sabonetes com ácido, deve-se primeiro consultar um profissional. 

Armazenamento da embalagem também faz diferença no efeito 

Se você costuma guardar os cremes no armário do banheiro, essa também pode ser uma razão pela qual o creme não faz efeito de forma correta. De acordo com a dermatologista, se a embalagem não for bem fechada ou se o produto permaneceu por mais de 6 meses, ele pode perder seus ativos. "Guardar no banheiro é um grande crime porque o calor e a umidade podem prejudicar o produto mesmo se a embalagem estiver intacta e dentro da validade. O ideal é deixar em local fresco", explicou a profissional. 

Outro detalhe que não deve ser ignorado quando o assunto é produto para o rosto é o tempo de espera entre as aplicações. É importante esperar o creme ser absorvido antes de aplicar o filtro solar ou a maquiagem, já que o risco de um produto amenizar ou anular os ativos do outro pode acontecer, apesar de alguns cremes terem poder de absorção super rápidos na pele. "Opte por produtos encapsulados, que conseguem ter uma atuação profunda mais rápida. Assim, não há necessidade de esperar muito para aplicar outro produto por cima", aconselhou a dermatologista.

Temas relacionados
Canal de L'Oréal Paris

10 vídeos para você assistir enquanto espera a hidratação