Beleza Extraordinária

Níveis de ácido hialurônico diminuem com a idade? Saiba tudo sobre o papel da substância na pele

  • Você sabe como manter os níveis de ácido hialurônico na pele altos? (Foto: Shutterstock)
Tela cheia
Previous Next
Você sabe como manter os níveis de ácido hialurônico na pele altos? (Foto: Shutterstock)

Já ouviu falar sobre o ácido hialurônico? Ele é muito usado em cosméticos para hidratar a pele, aumentar a flexibilidade e diminuir a aparência das rugas. Mas, além de estar nos creme anti-idade, essa substância também existe naturalmente na sua pele. Junto com o colágeno, ela é responsável por conferir a elasticidade da pele.

Mas você sabia que a quantidade de ácido hialurônico não se mantém estável durante toda a vida e pode diminuir com o passar dos anos? A gente conta tudo o que você precisa saber, vem conferir!

Afinal, a quantidade de ácido hialurônico diminui?

O ácido hialurônico é o responsável por preencher o espaço entre as células e evitar o aparecimento de marcas como rugas e linhas de expressão. Quando nascemos, os seus níveis estão no auge mas, a partir daí, começam a diminuir - é por isso que os bebês tem uma pele mais macia e lisa.

A partir dos 30 anos, a hidratação natural da pele reduz bastante e, aliado à queda no ácido hialurônico, as rugas começam a aparecer - por isso que é nessa fase que é mais indicado iniciar os cuidados anti-idade. Mas é a partir dos 40 anos que a redução na quantidade de ácido hialurônico começa a ser notada.

Nessa idade, a atividade das células da pele fica mais lenta. Além disso, os danos externos - como poluição e raios UV - causados ao longo dos anos danificam a pele e fazem com que as rugas e linhas finas se tornem permanentes. Após a menopausa, as mulheres percebem uma queda ainda mais intensa nos níveis de ácido hialurônico.

O que fazer para manter os níveis de ácido hialurônico altos?

O que muitas pessoas não sabem é que a produção de ácido hialurônico continua por toda a sua vida. Ou seja, é possível tomar atitudes que ajudem a manter a quantidade dessa substância em bons níveis mesmo com a perda que acontece todos os dias. Para isso, é fundamental ter alguns cuidados com a pele.

1- Proteja sua pele contra o sol: não é novidade que os raios ultravioleta provocam danos à pele, incluindo o envelhecimento precoce. Isso acontece porque os raios UV oxidam a pele e atrapalha a produção do ácido hialurônico.

2- Cuidado com a alimentação: a sua alimentação tem muita influência em todo o seu corpo - até mesmo na aparência da sua pele. Por isso, é fundamental ter uma dieta equilibrada e rica em alimentos com propriedade antioxidantes.

3- Aposte em cosméticos com ácido hialurônico: cremes e séruns que contenham ácido hialurônico também são ótimas formas de repor a quantidade da substância que é perdida diariamente.

Conheça os alimentos que podem ajudar a repor a substância

Além de terem propriedades antioxidantes, alguns alimentos contém ácido hialurônico ou ajudam seu corpo a produzir a substância. Se você quer manter os níveis altos por mais tempo, vale a pena incluir alguns desses alimentos na sua dieta. Entre as frutas, o kiwi é a melhor escolha, já que contém ácido hialurônico em sua composição.

O pimentão também contém essa substância, além de alta quantidades de vitaminas A, C, K e complexo B. Alguns temperos também estimulam a produção do ácido e podem ser incluídos na sua dieta, como o açafrão, salsa e coentro.

Redação: Gabrielle Nunes

Temas relacionados
Tem o dia corrido?

Essa rotina de cuidados é perfeita pra você!