Beleza Extraordinária

Meu cabelo não cresce! Confira 6 coisas que você deve considerar antes de se preocupar

  •  Preocupada com o crescimento do cabelo? Confira a lista! (Foto: Instagram @lorealhair)
  • Beber bastante água e se alimentar de maneira saudável são cuidados que contribuem para o crescimento dos fios! (Foto: Instagram @sarahangius)
  • Investir em um cronograma capilar, além de fazer os fios crescerem mais rápido, ainda faz com que eles fiquem mais bonitos e saudáveis! (Foto: Instagram @sarameess)
Tela cheia
Previous Next
Preocupada com o crescimento do cabelo? Confira a lista! (Foto: Instagram @lorealhair)
  •  Preocupada com o crescimento do cabelo? Confira a lista! (Foto: Instagram @lorealhair)
  • Beber bastante água e se alimentar de maneira saudável são cuidados que contribuem para o crescimento dos fios! (Foto: Instagram @sarahangius)
  • Investir em um cronograma capilar, além de fazer os fios crescerem mais rápido, ainda faz com que eles fiquem mais bonitos e saudáveis! (Foto: Instagram @sarameess)

quem quer deixar o cabelo crescer sabe como bate a ansiedade para que os fios fiquem logo do tamanho desejado. Por isso, ficar reparando a raiz no espelho ou ter a impressão de que os fios simplesmente não crescem é um dos fatos mais comuns entre aquelas que estão no "Projeto Rapunzel". No entanto, em vez de perder tempo achando que as madeixas nunca ficarão compridas, você já parou para se perguntar se está considerando as características da sua textura e tomando os cuidados necessários para alcançar esse objetivo? Confira a lista!

1. Analise a textura do seu cabelo

Antes de ficar ansiosa achando que o seu cabelo não está crescendo e tem algum problema, a dica é considerar a textura dele. Enquanto os lisos e os ondulados mostram o comprimento com mais facilidade, lembre-se que os bem cacheados e crespos demoram a revelar seu verdadeiro tamanho por conta do formato anelado. Para descobrir o quanto os fios cresceram, experimente fazer o seguinte teste: pegue uma mecha e puxe-a por completo para desfazer toda a ondulação e ver até onde ela vai. 

2. Faça um Cronograma Capilar 

Quem quer que o cabelo cresça rápido e saudável precisa investir em tratamentos para que os fios recebam todos os nutrientes que precisam. Por isso, uma das dicas mais importantes para exibir madeixas longas é começar já um cronograma capilar! Organizando hidratação, nutrição e reconstrução durante o período de um mês, essa rotina é indispensável para acelerar o crescimento por fortalecer a fibra capilar. 

3. Beba bastante água e não descuide da alimentação 

Para ver resultados em qualquer parte do corpo, o cuidado deve - sempre! - começar de dentro para fora. Sendo assim, além de seguir uma rotina com todos os tratamentos capilares, também é importante ficar de olho na quantidade de líquido que você consome e como se alimenta. O consumo médio de dois litros de água por dia é indispensável para ficar bem hidratada, enquanto uma alimentação saudável e rica em proteínas ajuda a acelerar o crescimento e garantir fios bonitos e fortes. 

4. Entenda que cada cabelo tem um tempo para crescer

Uma prática muito comum, que só faz aumentar a ansiedade, é a de colocar uma meta de crescimento comparando seu cabelo com o de uma amiga. Entenda: mesmo que ela tenha uma textura parecida com a sua, cada fio tem suas próprias características e, consequentemente, seu próprio tempo para crescer. Então, em vez de reparar o quanto as madeixas de alguém já cresceram, foque na sua rotina de cuidados para não começar a se preocupar. 

5. Não corte de três em três meses

Muita gente acredita que cortar o cabelo de três em três meses é um dos truques para que ele cresça forte e saudável - mas isso não passa de um mito! Essa prática é, sim, recomendada para evitar pontas duplas e ressecadas; porém, recorrer à tesoura não fará com que a média de crescimento - que é de 1 a 1,5 centímetro por mês - aumente. 

Por isso, para aquelas que estão no projeto para o cabelo crescer, uma dica de ouro é deixar períodos mais espaçados entre um corte e outro em vez de manter o hábito de diminuir o comprimento a cada três meses. 

6. Estresse e remédios podem comprometer o crescimento dos fios

Se depois de considerar as particularidades do fio e seguir uma rotina regrada de cuidados você continuar achando que o seu cabelo não está dando resposta, não deixe de procurar um dermatologista ou tricologista. Só um profissional poderá fazer a avaliação necessária para descobrir se o seu couro cabeludo está com algum problema ou se existe algum fator que pode estar comprometendo esse crescimento - como o uso de medicamentos ou estresse, por exemplo, dois fatores muito comuns para o atrofiamento dos fios.  

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial

últimas matérias

Ver mais