Beleza Extraordinária

Escova encorpada e com volume pode ser feita com secador com íons?

  • Secadores com íon também podem ser usados por quem quer uma escova com volume
Tela cheia
Previous Next
Secadores com íon também podem ser usados por quem quer uma escova com volume

Secadores com íons são conhecidos por sua potência na hora da escova, mas quem não quer um liso chapado e reto pode ficar receosa na hora de usar o equipamento. A cabeleireira Adriana Copello tira todas as dúvidas sobre as propriedades da ionização e ensina como obter uma escova encorpada, volumosa e cheia de movimento.

Para que serve o secador com íons e como ele afeta o fio

Para ficar por dentro da questão, primeiro é preciso saber exatamente como funciona a atuação desses equipamentos com íons. "A diferença desse tipo de secador para os outros comuns é que ele esquenta mais e sela melhor as cutículas, o que proporciona brilho aos cabelos", revela Adriana.

Segundo a profissional, mesmo as mulheres que não buscam um liso chapado podem usar esse tipo de jato sem medo: "não acho que o uso de secador com íons vai atrapalhar na construção de uma escova volumosa. Sua função é dar brilho através da selagem das cutículas e promover uma melhor secagem dos cabelos, nada disso afeta o volume", explica.

O segredo de uma escova encorpada e volumosa está em outros fatores

Se o secador não tem tanta influência na hora de conseguir volume, a profissional garante que algumas técnicas são certeiras para deixar as madeixas nesse estilo durante a escova: "Depois de secar toda a umidade dos fios, modele o cabelo com a escova fazendo movimentos de dentro para fora e em espiral: isto sim vai trazer volume para os fios e ainda deixar uma leve ondulação", revela a expert.

Outro segredo eficiente está na mousse, espuma que encorpa os fios e os deixa mais volumosos depois de secos. Para Adriana essa seria a alternativa ideal para quem já tem os fios muito lisos mesmo sem escova, com a ressalva de prestar atenção na quantidade e composição do produto: "uma mousse específica para cabelos finos resolve o problema, mas ela precisa conter agentes hidratantes na fórmula e não pode ser passada com exagero - do contrário os fios podem acabar ressecados com o uso diário ou apresentar um aspecto duro por excesso de produto", conta.

Não confunda o tipo de íon

O tipo de íon que sela as cutículas e dá brilho é o negativo, mas as mais atentas devem ter notado que também existe sua versão inversa no mercado: o jato de ar com íons positivos. A função deste segundo é justamente fazer o caminho contrário: abrir a cutícula para que o cabelo receba melhor alguns tratamentos como hidratações e cauterizações, que precisam agir dentro do fio.

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial

últimas matérias

Ver mais