Beleza Extraordinária

Entenda porque tinta não é capaz de clarear outra tinta

  •  A busca por fios loiros é cada vez maior entre as mulheres, mas o processo pode ser bem perigoso. As tinturas não são capazes de clarear um cabelo já tingido anteriormente, tendo efeito somente em cabelos virgens
Tela cheia
Previous Next
A busca por fios loiros é cada vez maior entre as mulheres, mas o processo pode ser bem perigoso. As tinturas não são capazes de clarear um cabelo já tingido anteriormente, tendo efeito somente em cabelos virgens

Mudar a cor das madeixas é um ritual comum entre as mulheres que desejam passar por transformações no visual. Com a chegada do verão e as temperaturas subindo no Brasil é possível notar o aumento na busca por fios mais claros e iluminados, já que as tonalidades mais abertas são a cara da estação mais quente do ano. Na ânsia de modificar a tonalidade das madeixas, no entanto, muitas mulheres acabam esquecendo alguns detalhes fundamentais que podem prejudicar o resultado final. Aquelas que tingiram os cabelos em tons escuros para ornar com as baixas temperaturas do inverno, porém, não irão conseguir clarear as madeixas com tanta facilidade, afinal como diz o mantra de todo cabeleireiro: "tinta não clareia tinta". Desta forma, o ideal é mesmo apostar em técnicas de descoloração ou o cabelo pode acabar ganhando uma tonalidade diferente da desejada ou até mesmo fios manchados.

Substâncias químicas da tintura não conseguem penetrar na fibra capilar dos cabelos já coloridos

A busca por fios loiros está sempre presente na vida das mulheres, mas o processo de clareamento das madeixas precisa ser cauteloso. As tinturas não são capazes de clarear um cabelo já tingido anteriormente, tendo efeito somente em cabelos naturais. A tintura permanente age nas madeixas em conjunto com a água oxigenada que, juntas, formam as substâncias chamadas precursoras de cor e acopladoras, presentes no tubo de coloração e no produto revelador.

As substâncias funcionam ativando os pigmentos precursores e clareando os pigmentos naturais. Ao penetrar na fibra capilar, o oxigênio "incha" a área, separando as cutículas e expulsando a melanina natural, dando espaço para a entrada da cor. Os componentes químicos da tintura provocam uma reação de oxidação, que resulta no clareamento da melanina, permitindo que novos pigmentos sejam absorvidos e fixados no fio. Quando as madeixas já sofreram uma coloração anteriormente, no entanto, as substâncias da tintura não conseguem expulsar os pigmentos artificiais e nem mesmo penetrar na fibra capilar, fazendo com que as madeixas não sofram nenhuma alteração de cor mesmo após a aplicação da coloração. "Não é possível clarear um cabelo tingido, pelo fato deste já estar saturado, repleto de pigmentos artificiais da tintura mais escura, que para ser clareado, necessariamente deverá receber um procedimento de retirada desses pigmentos, abrindo, desta maneira, espaço no córtex capilar para receber a tinta com tonalidades mais claras", explicou a professora Carolina Montovam Monteiro, do curso de Farmácia da Faculdade Anhanguera de Guarulhos.

Técnica de decapagem é a mais indicada para quem deseja clarear os fios já coloridos

Recorrer à tintura para clarear um cabelo já pintado além de não ser capaz de obter o resultado desejado, ainda pode danificar a saúde dos fios ou deixá-los manchados. "Pode-se obter uma coloração não uniforme e inadequada, muitas vezes, totalmente diversa da desejada, ficando com a raiz de uma cor e ao longo dos cabelos com outro tom. Aparentemente a cor pode até ter saído ou simplesmente desbotado, mas há a permanência de resíduos do pigmento mais escuro depositados no fio, o que irá comprometer o visual da cor de uma nova tonalidade mais clara", explicou Carolina, professora de Cosmetologia e Tecnologia de Medicamentos e Cosméticos.

Apesar da tinta não ser capaz de clarear um cabelo já colorido anteriormente, é possível passar das madeixas escuras para loiras de forma saudável. A técnica de decapagem é capaz de retirar os pigmentos artificiais de cor, presentes em tinturas, tonalizantes e henna, preparando as madeixas para a próxima coloração. As nuances ruivas ou pretas, no entanto, são mais difíceis de serem removidas dos cabelos, tornando necessário a realização de mais sessões para que os pigmentos sejam totalmente retirados sem que os cabelos fiquem manchados.

Cuidados antes e após a decapagem

Como toda química, porém, a decapagem é agressiva e exige alguns cuidados especiais após sua execução. É importante hidratar os fios antes do procedimento e realizar um teste de mecha, para garantir que os cabelos irão suportar o procedimento. Outras químicas, como de alisamento e relaxamento, também não são compatíveis com a decapagem, podendo ocasionar até mesmo o enfraquecimento e a quebra dos fios.

Temas relacionados
Retoque de raiz:

Descubra qual é a sua cor de Magic Retouch!

últimas matérias

Ver mais