Beleza Extraordinária

Entenda a importância de usar o creme antiidade adequado para sua faixa etária

  • Cuidar da pele é essencial para mantê-la bonita, saudável e com brilho especial, por isso é bom investir em um creme antiidade a apartir dos 25 anos.
Tela cheia
Previous Next
Cuidar da pele é essencial para mantê-la bonita, saudável e com brilho especial, por isso é bom investir em um creme antiidade a apartir dos 25 anos.

Cuidar da pele é essencial para mantê-la bonita, saudável e com brilho especial, mas depois de certa idade só hidratante a proteção solar não são o bastante para combater rugas e marcas de expressão. Para prevenir o fato, é fundamental que um bom antiidade entre em campo para nutrir a região e evitar marquinhas indesejadas antes do tempo.

Tratamento pode começar depois dos vinte e cinco

Os tratamentos já podem começar aos vinte e cinco anos e a palavra de ordem nesta etapa é prevenção. É importante procurar produtos com proteção UV, que também sejam hidratantes, com foco na área dos olhos, onde aparecem os primeiros sinais de expressão. Apesar dos produtos para idades mais avançados serem potentes, a dermatologista Thaise Soares explica que é importante escolher o antiidade de acordo com a faixa etária: "na casa dos vinte não há rugas e flacidez para combater, e o resultado é quase nenhum, além de poder causar resultados adversos como irritações, acne, manchas na pele pela densidade e concentração de produtos de outra faixa etária".

Primeiros sinais aparecem depois dos trinta e cinco

Entre os 35 e 40 anos, os sinais começam a ficar evidentes, principalmente ao redor de olhos e lábios. Nessa faixa etária, os produtos começam a ficar potentes para combater as marcas de expressão. O segredo destes cremes são os ingredientes desses como o pró-retinol A, que ao estimular a produção de colágeno, firma e revitaliza a pele.

Pele mais bonita depois dos cinquenta

As mudanças hormonais e do metabolismo mudam a textura da pele depois dos cinquenta e pedem cremes mais densos e concentrados para equilibrar a hidratação e elasticidade da pele. A dermatologista Thaise indica que, nesta fase, os cremes antiidade sejam usados junto a tratamentos mais profundos, mas explica que a prevenção e cuidado com o envelhecimento, principalmente acima dos cinquenta anos, também passa pelos hábitos de vida: "a prevenção do envelhecimento precisa ser um somatório de cuidados, desde a alimentação, ingestão de líquidos e uso diário de protetor solar. Tudo importa para o resultado final na pele", ensinou.

Temas relacionados
Cabelos danificados têm solução?

Descubra qual é o melhor shampoo para esse problema

últimas matérias

Ver mais