Beleza Extraordinária

Diferenças das técnicas para fazer sobrancelha

  • Existem diferentes técnicas para tirar o excesso de pelos das sobrancelhas, basta encontrar o método que melhor se adequa à sua pele
Tela cheia
Previous Next
Existem diferentes técnicas para tirar o excesso de pelos das sobrancelhas, basta encontrar o método que melhor se adequa à sua pele

Fazer as sobrancelhas já se tornou parte da rotina de beleza da maioria das mulheres há tempos. Uma sobrancelha bem feita tem o poder de limpar a expressão, levantar o olhar e deixar o rosto harmônico. Apesar de parecer uma tarefa simples, tirar os pelinhos extras requer mão firme, atenção às medidas do rosto e senso estético. Afinal, qualquer erro pode comprometer seriamente a simetria do rosto. Enquanto muitas mulheres preferem fazer o serviço sozinhas com uma pinça, outras optam por confiar no trabalho de um profissional, a fim de acertar no desenho das mesmas. Entre os métodos mais comuns, está a pinça, que tem o efeito mais duradouro e a depilação à cera, mas outras práticas também são bem sucedidas nos salões de beleza.

Sobrancelhas feitas com linha

A técnica que tem feito sucesso entre as famosas é realizada com um simples pedaço de linha de algodão. O método milenar é perfeito para peles sensíveis, especialmente do rosto. Além de retirar completamente os pelos desde a raiz, o fato de utilizar apenas uma linha em vez de produtos, não oferece riscos de cortes, alergias ou queimaduras. A maior consequência pode ser, no máximo, uma vermelhidão após a depilação, que desaparecerá alguns instantes depois. A durabilidade chega a quatro semanas, mas vai variar de acordo com o crescimento dos pelos.

Depilação à cera

Uma das opções mais comuns entre as mulheres é tirar o excesso de pelo das sobrancelhas com cera, forma mais prática e eficiente de eliminar a penugem aparente no rosto. Com o produto quente, a cera é aplicada nas áreas em que o pelo deve desaparecer e puxada uma única vez. O ponto negativo é que os pelos muito pequenos têm maior dificuldade de ser eliminados, por isso, é provável que após retirar o grosso, seja necessário puxar os pelinhos mais finos com uma pinça.

Um mito que ronda a prática de tirar pelos com cera é o de que a técnica provoca flacidez na pele, o que não é verdade. O problema só é causado se os puxões foram constantes e muito repetitivos. Uma única puxada não é capaz de reduzir as fibras de colágeno, a proteína que dá rigidez à pele. Uma observação importante para quem gosta de cera é se certificar de que ela é descartável e não está sendo reaproveitada, o que pode ser foco de infecções.

Sobrancelha feita com pinça

Esse método é clássico e usado por muitas mulheres. A pinça puxa um pelo por vez e pode ser usada pela própria pessoa para desenhar sua sobrancelha ou por uma esteticista. Uma das maiores vantagens deste método é que os pelos demoram a crescer, portanto o intervalo entre as sessões é mais longo.

Depilação à laser

A depilação a laser é o método mais moderno de acabar de vez com os pelos. Neste caso, antes da sessão - que deve ser feita em consultório médico - é preciso ficar pelo menos 20 dias sem usar cera ou pinça. Antes do procedimento, devem-se raspar todos os pelos, que podem queimar a pele se ficarem expostos. Pessoas com tatuagem devem ter muito cuidado com o laser, e nunca aplicá-lo sobre o desenho.

ver mais : Dicas de beleza
Temas relacionados
Cabelos danificados têm solução?

Descubra qual é o melhor shampoo para esse problema

últimas matérias

Ver mais