Beleza Extraordinária

Dia das Crianças: Taís Araújo e Grazi Massafera falam sobre seus cabelos na infância

  • Taís Araújo revelou que sua mãe fazia cachinhos à mão em seus cabelos quando era pequena
  • Segundo a atriz, seu cabelo sempre recebeu hidratações semanais para manter a saúde
  • Taís contou que não era muito fã dos cuidados com os cabelos quando era criança, mas aprendeu com a mãe a ser vaidosa
  • Com o passar dos anos, os cabelos de Isabelli cresceram e escureceram. Para sua mãe, os fios castanhos ajudaram a valorizar os belos olhos azuis da top
  • Vaidosa desde pequena, Grazi Massafera sempre gostou de cuidar dos cabelos
  • Dona de fios muito lisos, na infância Grazi fazia várias trancinhas nas madeixas para deixá-las frisadas
  • Grazi aprendeu com a mãe a cuidar dos cabelos desde pequena e costumava passar cerveja e leite para clarear os fios em tom de loiro mel
Tela cheia
Previous Next
Taís Araújo revelou que sua mãe fazia cachinhos à mão em seus cabelos quando era pequena
  • Taís Araújo revelou que sua mãe fazia cachinhos à mão em seus cabelos quando era pequena
  • Segundo a atriz, seu cabelo sempre recebeu hidratações semanais para manter a saúde
  • Taís contou que não era muito fã dos cuidados com os cabelos quando era criança, mas aprendeu com a mãe a ser vaidosa
  • Com o passar dos anos, os cabelos de Isabelli cresceram e escureceram. Para sua mãe, os fios castanhos ajudaram a valorizar os belos olhos azuis da top
  • Vaidosa desde pequena, Grazi Massafera sempre gostou de cuidar dos cabelos
  • Dona de fios muito lisos, na infância Grazi fazia várias trancinhas nas madeixas para deixá-las frisadas
  • Grazi aprendeu com a mãe a cuidar dos cabelos desde pequena e costumava passar cerveja e leite para clarear os fios em tom de loiro mel

O dia 12 de outubro é dedicado às crianças e a data é famosa por causar uma certa nostalgia do tempo de infância. A embaixadora de L'Oréal Paris Taís Araujo não era muito fãs de lidar com os cabelos nessa época, diferente de Grazi Massafera, que fazia de tudo para frisar os cabelos super lisos. As duas contaram ao Beleza Extraordinária suas principais lembranças em relação às madeixas e como aprenderam com suas mães a serem vaidosas.

Agitação e o jeito moleca faziam embaixadoras terem problemas com o cabelo

Vaidade não era o forte de Taís quando era uma criança e a principal reclamação na hora de pentear o cabelo era não poder estar brincando: "eu era um moleque quando pequena. Odiava ficar parada para ser penteada", contou. Vaidosa desde pequena, Grazi lembra que o momento era trabalhoso para sua mãe, devido à sua grande quantidade de cabelo: "sempre tive muito cabelo e tenho lembrança da gente ficar sentada horas com ela fazendo trancinhas bem fininhas no meu cabelo, pois eu tinha o cabelo muito liso e ela queria que meu cabelo ficasse frisado ou ondulado e como não tinha babyliss, tinha que fazer essas trancinhas... E o tempo que ficávamos pra ela soltar todas essas trancinhas também.

A hora do banho, o momento de lavar os fios estava longe de ser uma festa para Taís: "era sempre uma briga, uma tortura!", confessou a atriz.

Penteados também marcaram a infância das famosas

Apesar de não gostar muito dos rituais de beleza, Taís vivia sempre com as madeixas em dia: "minha mãe me obrigava a fazer cachinhos", contou a atriz, que ainda revelou que esse era o penteado usado para tudo - desde a escola até as festinhas do final de semana. Feitos à mãos, os caracóis da pequena eram bem definidos e caprichados: "era como uma molinha", lembrou.

Grazi tinha o desejo de deixar os fios lisos com mais textura e confessa que, na infância, era como uma boneca para a mãe, que inventava diferentes penteados para fazer na filha, tanto para a escola como para festinhas. "Minha mãe não teve boneca, trabalhava na roça...então depois ela brincava de boneca comigo. A cada oportunidade ela inventava alguma coisa pra fazer no meu cabelo", lembrou a atriz.

Embaixadoras contam que aprenderam com as mães a cuidar dos cabelos

As lembranças relacionadas aos momentos em que as mães cuidavam dos cabelos também reservam um espaço especial na memória das embaixadoras de L'Oréal Paris."Ela não cuidava do meu cabelo, ela cultivava!", brincou a atriz Taís Araujo, que revelou sempre ter alguém para dar uma atenção especial à saúde de suas madeixas: "minha mãe deixava crescer, passava babosa, fazia hidratação semanal", contou. O tratamento era ideal para a necessidade de seus fios que, por serem cacheados, apresentam mais ressecamento nas pontas e exigem uma frequência maior na reposição de água e nutrientes. Tanta insistência de dona Mercedes despertou em Taís uma paixão por tratar de suas madeixas e trouxe a atriz hoje ao posto de uma das embaixadoras de L'Oréal Paris. "Depois de muito sofrer passei a amar cabelo e a adorar cuidar dos meus fios!", disse aos risos.

Grazi também aprendeu a cuidar dos cabelos com a mãe. Dona de fios loiro mel, seu tom natural, a atriz era adepta de tratamentos caseiros para clarear as madeixas desde pequena. "Passava cerveja e leite pra clarear e babosa na raiz para fortalecer. Era tanta coisa que eu fazia desde pequena! O meu amor por cabelo vem da minha mãe, que sempre estimulou esses cuidados, ela também adora cabelo e sempre me estimulou a cuidar dele", lembrou.

ver mais : Cabelos das famosas
Temas relacionados
Retoque de raiz:

Descubra qual é a sua cor de Magic Retouch!