Beleza Extraordinária

Da poluição ao estresse: conheça 5 inimigos da pele e descubra quais são os efeitos negativos!

  • Descubra quais são os inimigos da pele e saiba o que fazer para combatê-los! (Foto: Shutterstock)
  • Aplicar protetor solar diariamente é um cuidado indispensável para evitar manchas, envelhecimento precoce e até problemas mais sérios (Foto: Shutterstock)
  • Limpar a pele diariamente é a dica para amenizar os danos causados pela poluição ambiental (Foto: Shutterstock)
Tela cheia
Previous Next
Descubra quais são os inimigos da pele e saiba o que fazer para combatê-los! (Foto: Shutterstock)
  • Descubra quais são os inimigos da pele e saiba o que fazer para combatê-los! (Foto: Shutterstock)
  • Aplicar protetor solar diariamente é um cuidado indispensável para evitar manchas, envelhecimento precoce e até problemas mais sérios (Foto: Shutterstock)
  • Limpar a pele diariamente é a dica para amenizar os danos causados pela poluição ambiental (Foto: Shutterstock)

Se você costuma pesquisar sobre assuntos de beleza, certamente, já ouviu falar que existem vários fatores que prejudicam a pele. A longo prazo e sem que ninguém perceba, a ação negativa de cada um deles pode comprometer a saúde e a aparência da derme -  causando problemas como manchas, acne e até mesmo o temido envelhecimento precoce. Não tem ideia de quais são esses inimigos invisíveis? Confira a lista e saiba o que fazer para ficar protegida!

1 - Poluição

Falar que a poluição faz mal para a saúde não é surpresa para ninguém. Mas você sabia que ela também pode comprometer, diretamente, a pele? O motivo é bem simples: a poeira e todas as demais substâncias agressivas que ficam em um ar poluído acabam sendo absorvidas pela derme - o que, com o tempo, faz com que ela envelheça mais rápido, perca seu brilho natural e até aumente a oleosidade por conta do desequilíbrio do pH. 

O que fazer?

O segredo principal para amenizar os danos da poluição na pele é fazer uma limpeza caprichada todos os dias - de manhã e antes de dormir. Para isso, uma boa opção é contar com a ajuda da água micelar, que limpa profundamente e sem ressecar.

2 - Alimentação desequilibrada

Não é exagero quando falam que você é o que você come. Além de influenciar na saúde como um todo, nos cabelos e até na disposição para enfrentar o dia a dia, a dieta que seguimos também faz com que a pele fique mais bonita.

O motivo é o seguinte: quando a alimentação está desregrada, o organismo é comprometido e mostra essas consequências negativas de dentro para fora. Uma das áreas mais afetadas é a pele, que passa a ficar opaca, com oleosidade excessiva, acne e até com menor elasticidade - o que pode acelerar o aparecimento de rugas e linhas de expressão. 

O que fazer?

A solução para o problema, claro, é seguir uma dieta mais regrada. Ou seja, diminuir o consumo de tudo o que não é muito saudável - como gorduras, sal e doce - e passar a comer mais frutas, verduras e legumes. Também vale adicionar alimentos ricos em substâncias antioxidantes - como vitamina C, vitamina E e Ômega 3, por exemplo -  para combater os radicais livres que aceleram o envelhecimento celular. 

3 - Estresse

Você sabia que o estresse também pode afetar sua pele? Quando o humor está alterado e a pressão do dia a dia te impede de relaxar,  a derme pode responder apresentando um ou mais dos seguintes fatores: cravos e espinhas; aumento da sensibilidade; falta de brilho; olheiras profundas; e até aparecimento de rugas e linhas de expressão. 

O que fazer? 

Além de manter os cuidados da pele em dia, é importante tentar dar uma desacelerada na rotina, reservar um tempo para o lazer e adotar hábitos mais saudáveis para diminuir o nível de estresse. Em casos mais extremos, como crises de ansiedade, o ideal é recorrer a um psicólogo para que ele indique a melhor maneira de resolver o problema. 

4 - Exposição solar 

Todo mundo já ouviu falar que o protetor solar é indispensável para impedir que os raios ultravioleta afetem a pele. No entanto, ainda assim, muita gente ignora esse passo no dia a dia e só lembra do produto quando está na praia ou na piscina. O resultado disso - além de problemas mais sérios, como o câncer de pele e o melasma - é o aparecimento de manchinhas e o envelhecimento precoce. 

O que fazer? 

O cuidado é simples: aplicar protetor solar todos os dias pela manhã, até mesmo quando estiver nublado ou você só for ficar em ambientes fechados. Para garantir toda a proteção necessária, o produto deve ter FPS 30, no mínimo, e ser reaplicado ao longo do dia. 

5 - Bebidas alcoólicas 

Um pouco de vinho ou cerveja no final de semana não causa grandes problemas na pele, mas o consumo excessivo pode, sim, trazer consequências desagradáveis! O motivo é a desidratação que o álcool causa no organismo por diminuir a produção do hormônio antidiurético - responsável pela reabsorção da água - e o aumento dos radicais livres, que degradam o colágeno e causam envelhecimento precoce.

O que fazer?

Isso não significa que você precisa cortar totalmente a bebida alcoólica da sua vida, mas vale evitar o consumo por alguns dias seguidos. Outra dica é ficar sempre com uma garrafinha de água nos dias em que estiver bebendo, para ir se hidratando entre uma bebida e outra. 

Redação: Nívia Passos

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial

últimas matérias

Ver mais