Beleza Extraordinária

Cuidados com a pele mista: confira 5 erros comuns e aprenda a evitá-los

  • A pele mista precisa de cuidados específicos, mas existem vários erros que detonam a aparência (Foto: Pixelformula)
  • Usar um produto de limpeza muito adstringente pode comprometer a pele mista (Foto: Pixelformula)
  • O uso de água muito quente na lavagem é outro dos hábitos que podem estar deixando a sua pele mais oleosa e mais seca (Foto: Pixelformula)
  • Na hora de usar a máscara purificante, aposte em aplicá-la apenas na zona "T" do rosto (Foto: Pixelformula)
  • A esfoliação pouco frequente é outro dos erros bem comuns das donas de pele mista (Foto: Pixelformula)
Tela cheia
Previous Next
A pele mista precisa de cuidados específicos, mas existem vários erros que detonam a aparência (Foto: Pixelformula)
  • A pele mista precisa de cuidados específicos, mas existem vários erros que detonam a aparência (Foto: Pixelformula)
  • Usar um produto de limpeza muito adstringente pode comprometer a pele mista (Foto: Pixelformula)
  • O uso de água muito quente na lavagem é outro dos hábitos que podem estar deixando a sua pele mais oleosa e mais seca (Foto: Pixelformula)
  • Na hora de usar a máscara purificante, aposte em aplicá-la apenas na zona "T" do rosto (Foto: Pixelformula)
  • A esfoliação pouco frequente é outro dos erros bem comuns das donas de pele mista (Foto: Pixelformula)

A pele mista corresponde a união de regiões oleosas e secas e por isso precisa de uma atenção ainda maior, afinal, são duas em uma só! Quem tem este tipo de cútis, precisa cuidar da hidratação das bochechas, além de controlar a oleosidade excessiva e ficar atenta a cravos e a acne na zona "T". Com tantas exigências, é comum que a rotina de beleza possa parecer confusa, por isso é preciso desmistificar essa e outras questões! Confira os 5 erros mais comuns no cuidado com a pele mista e aprenda a evitá-los!

Erro #1: Usar um produto de limpeza muito adstringente 

O erro mais comum das donas de pele mista é generalizar e assumir que a sua pele é oleosa no geral. Para evitar o tão temido excesso de brilho na pele, é comum combater o problema de forma radical, com um, gel ou sabonete muito agressivo. Esse hábito, além de poder sensibilizar as regiões mais secas, como bochechas, olhos e lábio superior, ainda pode provocar o efeito rebote na zona "T" - testa, queixo e nariz.

O ideal para este tipo de pele é mesmo investir em um produto de limpeza suave, que seja eficaz na remoção de sujeiras e oleosidade, como a água micelar. Ela limpa em profundidade ao mesmo tempo que hidrata, deixando a pele sequinha e luminosa, sem irritar. 

Erro #2: Investir em cuidados diferentes para as diversas áreas do rosto

Outras cometem o erro contrário: na busca por uma pele perfeita, investem em linhas de produtos para pele seca e oleosa, combinando-as na mesma rotina. Embora não faça mal para a pele, não é preciso usar dois cosméticos diferentes! Isso só vai tomar mais tempo do seu dia. O segredo é usar fórmulas que sejam favoráveis a ambos os tipos de pele. No caso da limpeza, como falado acima, a água micelar é a melhor escolha, mas as espumas também são boa opção. Já na hidratação, a chave é usar uma fórmula bem leve, à base de água, como as específicas para pele oleosa, já que essa cumpre a sua função sem comprometer a oleosidade. 

Erro #3: Usar a máscara purificante no rosto inteiro

Já quando o assunto é a máscara, o ideal mesmo é combinar os cuidados. Muitas donas de pele mista cometem o erros de usar a máscara purificante e secativa no rosto todo, sob o risco de deixar as regiões secas ainda mais secas e sensibilizadas. O truque é usar o produto apenas na zona "T", deixando as restantes com uma fórmula hidratante para quem as tem secas ou, sem nada, para quem as tem do tipo normal.

Erro #4: Não esfoliar com a frequência adequada

A esfoliação é essencial para todos os tipos de pele mas, para as mistas e oleosas, ela é ainda mais importante. O cuidado ajuda a remover a camada de resíduos e células mortas que se acumula sobre o rosto e que causa oleosidade excessiva, cravos e acne, tão comuns nestes tipos de pele. No entanto, muitas mulheres ainda abrem mão do produto, pensando que o gel de limpeza já é suficiente. É importante esfoliar o rosto com uma fórmula suave, duas a três vezes por semana, massageando-a especialmente nas regiões mais oleosas e acneicas. 

Erro #5: Lavar o rosto com água muito quente

Outro erro muito comum é lavar o rosto com água muito quente. Para a pele mista, o hábito é duplamente prejudicial, já que a alta temperatura não só faz com que a água presente na derme evapore, deixando as regiões secas do rosto ainda mais secas, como ainda estimula a produção de óleo, garantindo mais oleosidade para a zona "T". O truque é regular o chuveiro para a temperatura média e, se possível, finalizar a lavagem com água fria, para deixar os poros fechados.

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial

últimas matérias

Ver mais