Beleza Extraordinária

Cromatização: coloração e hidratação em um único tratamento

  • A cromatização promete hidratar e renovar a cor dos cabelos a partir do uso de tonalizante e aplicação de proteina para repor a massa da fibra capilar
Tela cheia
Previous Next
A cromatização promete hidratar e renovar a cor dos cabelos a partir do uso de tonalizante e aplicação de proteina para repor a massa da fibra capilar

Usar uma coloração que deixa as madeixas bonitas e hidratadas é o desejo de toda a mulher que muda a cor dos cabelos. O tratamento de cromatização dos fios promete conseguir esse resultado, tonalizando os fios e reconstruindo a fibra capilar detonada pelo efeito de químicas e de agentes externos em um só procedimento. A cabeleireira Raissa Hein explica que o tratamento não apresenta incompatibilidades, mas não deve ser usado para fazer mudanças radicais: "o tratamento funciona de acordo com a base da cliente, não para mudanças radicais. Ela reaviva a tonalidade desbotada e funciona para oxidações, como no loiro que muda de cor depois de algum tempo. O procedimento recupera o tom e neutraliza reflexos, como o esverdeado nos fios claros" explicou a profissional.

Hidratação e coloração em um mesmo procedimento

A cromatização é feita em etapas que incluem o uso de queratina, para tratar; um neutralizante, que estabiliza o pH das madeixas; e o uso da cor, para reforçar a já existente ou tratar de fios oxidados. Ao contrário de outros procedimentos, que abrem as escamas para que a hidratação penetre na fibra capilar, deixando a coloração sair no processo, esse tratamento promete repor a massa e recuperar o ressecamento e a porosidade dos fios sem sacrificar a cor das madeixas, além de intensificar a nuance. "No procedimento, é usado tonalizante, que dá a impressão de fios mais hidratados. Com a aplicação de proteína e a máscara no final do tratamento, o cabelo fica macio e ganha emoliência. O cabelos não ganha só a aparência, ele realmente fica hidratado", contou Raissa.

Com a reposição de massa, além das mechas ficarem mais resistentes e hidratadas, o volume e o frizz ficam mais controlados, mas é preciso avaliar a quantidade de aplicações para evitar o efeito rebote. Como a queratina pode saturar e deixar cabelo ficar com a textura endurecida, Raissa indica uma aplicação mensal para quem tem madeixas saudáveis e a cada 15 dias para quem tem a fibra capilar danificada.

Tratamento não é indicado para quem tem muitos fios brancos

O procedimento não funciona para os cabelos grisalhos. Segundo Raíssa, quem tem fios brancos deve investir em um tratamento parecido. "O ideal é experimentar a versão sem tonalizante da cromatização, o S.O.S.. Ele tem as mesmas etapas sem tonalizar, repondo a massa e cuidado do fio". Para conseguir um efeito próximo ao do procedimento original, o ideal é colorir as madeixas com tintura permanente, que garante a cobertura de 100% dos brancos. Como a técnica alternativa também é compatível com outras químicas, é possivel fazer os dois procedimentos no mesmo dia e conseguir fios tratados e com cor radiante com poucas horas de diferença.

Temas relacionados
Retoque de raiz:

Descubra qual é a sua cor de Magic Retouch!