Beleza Extraordinária

Creme de cabelo pode causar cravos e espinhas? Veja a opinião de dermatologistas e confira dicas para evitar o problema!

  • O aparecimento de cravos e espinhas pode estar relacionado com o creme de cabelo? Confira a matéria para descobrir! (Foto: Shutterstock)
  • Cuidados específicos com a pele e algumas precauções podem ajudar a diminuir o aparecimento de acnes e espinhas sem suspender o uso do creme (Foto: Pixelformula)
  • Quem tem pele oleosa e com tendência à acne, deve evitar o uso de produtos muito oleosas em áreas que costumam ser mais afetadas pelo problema (Foto: Pixelformula)
Tela cheia
Previous Next
O aparecimento de cravos e espinhas pode estar relacionado com o creme de cabelo? Confira a matéria para descobrir! (Foto: Shutterstock)
  • O aparecimento de cravos e espinhas pode estar relacionado com o creme de cabelo? Confira a matéria para descobrir! (Foto: Shutterstock)
  • Cuidados específicos com a pele e algumas precauções podem ajudar a diminuir o aparecimento de acnes e espinhas sem suspender o uso do creme (Foto: Pixelformula)
  • Quem tem pele oleosa e com tendência à acne, deve evitar o uso de produtos muito oleosas em áreas que costumam ser mais afetadas pelo problema (Foto: Pixelformula)

Será que o creme de cabelo tem relação com o aparecimento de cravos e espinhas? Essa é uma dúvida muito comum entre as mulheres que começaram a perceber o aumento da acne nas regiões em que o produto fica em contato com a pele. Pensando nisso, o Beleza Extraordinária entrevistou as dermatologistas Tatiane Curi e Apolonia Sales para esclarecer essas questões e dar dicas de como não prejudicar a cútis. Confira!

Contato do creme em regiões predispostas à acne aumenta o problema 

De acordo com as dermatologistas Tatiane Curi e Apolonia Sales, é verdadeira a afirmação de queo uso do creme capilar pode causar acnes e espinhas. Mas, como Tatiane ressalva, a incidência costuma ser maior em áreas específicas: "O aparecimento dessas lesões pode estar relacionada aos cremes capilares em contato com regiões que, normalmente, são mais predispostas ou apresentam maior quantidade de glândulas sebáceas, como testas, dorso, costas e colo", esclarece. 

Leave-in é o maior responsável pelo aparecimento de cravos e espinhas

Por se tratar de um produto sem enxágue, o leave-in é um dos principais causadores do aparecimento da acne. As duas dermatologistas alertam que condicionadores e cremes de tratamento com muitos óleos na composição também podem contribuir para o aumento do problema; no entanto, os finalizadores são mesmo os principais responsáveis. "Isso acontece porque, geralmente, eles são mais oleosos e acabam ficando em contato com a pele por mais tempo", explica Apolonia Sales. Tatiane Curi complementa esclarecendo que isso acontece porque esse tipo de produto é comedogênico - ou seja, é formado por componentes que podem entupir os poros e acabar causando espinhas e cravos. 

Veja os cuidados para evitar o surgimento de acnes e espinhas: 

1 - Não use o produto nas áreas que costumam ficar em contato com a pele: Para impedir que o creme capilar cause acne ou acabe aumentando o problema, uma das dicas é tentar evitar o uso do produto nas partes do cabelo que mais têm contato com a pele. "Se a pessoa usa franja, o ideal é não passar muito produto nela para que o creme não fique em contato com a testa", afirma Apolonia. 

2 - Tente usar produtos menos oleosos: Para quem já tem predisposição à acne e espinhas, a dica das dermatologistas é evitar produtos com uma composição muito oleosa. Mas, para aquelas mulheres que acham que o cabelo fica mais bonito com cremes que contam com mais óleos na composição, a dica é seguir a primeira recomendação e evitar o contato nas áreas mais propensas à acne. 

3 - Prenda os cabelos no alto durante a hidratação: Como já foi falado, os cremes de tratamento e condicionadores também podem causar o aparecimento de acne. Com o condicionador, a recomendação é tentar fazer o enxague afastando as pontas do cabelo das costas; já com o segundo, que permanece nos fios durante mais tempo, a dermatologista Tatiane Curi dá a dica: "Durante a hidratação de banho, uma dica boa é prender os cabelos para cima com um acessório e, em seguida, fazer a higiene das costas, tórax, face e região do pescoço com um sabonete adequado".

4 - Use sabonetes específicos para o seu tipo de pele: Outra dica importante para que os produtos de cabelo não prejudiquem a cútis é fazer a limpeza com um sabonete específico - não só na hidratação de banho, como na dica acima, mas diariamente. "Os sabonetes adstringentes são sempre úteis, pois removem a oleosidade excessiva e os resíduos do produto que está causando a acne", esclarece Tatiane Curi. 

5 - Procure um dermatologista: Se mesmo com esses cuidados, o problema persistir, procure um dermatologista! Só ele será capaz de avaliar se o aparecimento da acne tem mesmo a ver com os produtos de cabelo e recomendar algum tratamento específico para resolver o aparecimento dos cravos e espinhas -  como peeling, limpeza de pele ou o uso de ácidos, por exemplo. 

ver mais : Dicas de beleza - Pele - Acne
Temas relacionados
Canal de L'Oréal Paris

10 vídeos para você assistir enquanto espera a hidratação