Beleza Extraordinária

Confira os fios ruivos que desfilaram pelos corredores no terceiro dia do Fashion Rio

  •  "Os cabelos ruivos são naturais, então minha preocupação maior é com hidratação. Invisto em produtos de tratamento e faço hidratações no salão", explicou Daniele Passeri
  • "Estou ruiva desde setembro e pinto em casa mesmo ressecando os fios. A mãe da minha amiga ajuda de vez enquando", contou a estudante Alessandra Benigno.
  •  "Faz três anos que resolvi ser ruiva depois de ter cabelos castanhos. Pareço ruiva, gosto de pensar que sou uma", confessou a maquiadora Cris Biato
  • "O mais dificil do ruivo é manter a cor. Para conseguir minha tonalidade, misturo loiro com cobre, mas foram três meses de decapagem para conseguir esse resultado, já são dois anos de ruivice", explicou a maquiadora Natalia Cesto
  •  "Era loira, queria muito ser ruiva e comprei a tinta errada. Do cobre que planejei, acabei virando ruiva cor de fogo com uma tinta 666. Está desbotando no momento, quando retocar, vou investir na coloração certa", explicou Danielle Racossi
  •  "Sou ruiva há apenas dois meses, tinha o cabelo castanho escurissimo. Assim que pintei, me olhava no espelho e não me reconhecia. Uma vez, dirigindo, olhei pelo retrovisor e ao ver a sombra do cabelo pensei, "quem é essa ruiva no meu carro?", confessou Luiza Paula Machado
  •  "Estudava direito e quando quis ser designer, resolvi que meus cabelos loiros não iam me acompanhar nessa nova fase da minha vida. Pintei de cobre primeiro, mas gosto deles vermelhos, mais claros ou escuros mas sempre de cor marcante, gosto de ser intensa!", contou a designer Yorée Dominique
  •  "Tinha o cabelo muito preto e quis mudar. Todo mundo gostou, dizem que combina mais comigo. O que reparei é que ressaltou mais meu rosto, principalmente a cor dos meus olhos" contou a estudante Nati Nogueira
  • "Gosto do undercut porque é diferente, antes era longo com franja, todo roxo, agora preferi os tons laranjas", confessou a estilista Ana Paula Okuti
Tela cheia
Previous Next
"Os cabelos ruivos são naturais, então minha preocupação maior é com hidratação. Invisto em produtos de tratamento e faço hidratações no salão", explicou Daniele Passeri
  •  "Os cabelos ruivos são naturais, então minha preocupação maior é com hidratação. Invisto em produtos de tratamento e faço hidratações no salão", explicou Daniele Passeri
  • "Estou ruiva desde setembro e pinto em casa mesmo ressecando os fios. A mãe da minha amiga ajuda de vez enquando", contou a estudante Alessandra Benigno.
  •  "Faz três anos que resolvi ser ruiva depois de ter cabelos castanhos. Pareço ruiva, gosto de pensar que sou uma", confessou a maquiadora Cris Biato
  • "O mais dificil do ruivo é manter a cor. Para conseguir minha tonalidade, misturo loiro com cobre, mas foram três meses de decapagem para conseguir esse resultado, já são dois anos de ruivice", explicou a maquiadora Natalia Cesto
  •  "Era loira, queria muito ser ruiva e comprei a tinta errada. Do cobre que planejei, acabei virando ruiva cor de fogo com uma tinta 666. Está desbotando no momento, quando retocar, vou investir na coloração certa", explicou Danielle Racossi
  •  "Sou ruiva há apenas dois meses, tinha o cabelo castanho escurissimo. Assim que pintei, me olhava no espelho e não me reconhecia. Uma vez, dirigindo, olhei pelo retrovisor e ao ver a sombra do cabelo pensei, "quem é essa ruiva no meu carro?", confessou Luiza Paula Machado
  •  "Estudava direito e quando quis ser designer, resolvi que meus cabelos loiros não iam me acompanhar nessa nova fase da minha vida. Pintei de cobre primeiro, mas gosto deles vermelhos, mais claros ou escuros mas sempre de cor marcante, gosto de ser intensa!", contou a designer Yorée Dominique
  •  "Tinha o cabelo muito preto e quis mudar. Todo mundo gostou, dizem que combina mais comigo. O que reparei é que ressaltou mais meu rosto, principalmente a cor dos meus olhos" contou a estudante Nati Nogueira
  • "Gosto do undercut porque é diferente, antes era longo com franja, todo roxo, agora preferi os tons laranjas", confessou a estilista Ana Paula Okuti

A semana de moda carioca não é só das morenas e loiras . As ruivas se destacaram nessa edição do Fashion Rio com fios em tom de cobre e avermelhados. Tendência da estação que já fez a cabeça de atrizes como Dianna Agron e Rachel McAdams , as laranjinhas apareceram em diversas tonalidades no evento.

A cor, desejo de muitas e pesadelos das que querem abandonar pela dificuldade, se destacou em looks fashionistas das modelos, visitantes e profissionais no Fashion Rio e o Beleza Extraordinária escolheu os fios que mais se destacaram no terceiro dia do evento. Das naturais às coloridas, as cabeças vermelhas desfilaram pelos corredores da Marina da Glória com fios de dar inveja.

Muita hidratação para combater ressecamento

Para as que não nasceram sortudas, mas são ruivas de coração, é preciso lembrar que a química resseca os fios e é importante investir em produtos hidratantes, como explicaram as entrevistadas, principalmente porque os retoques precisam ser mais frequentes do que outras tonalidades.

Para se inspirar, é bom ficar atenta ao tom de pele. As mais branquinhas ficam mais bonitas com tons mais acobreados enquanto as morenas combinam mais com os avermelhados. Negras devem investir em tons vermelhos mais escuros como o vinho, mas nada impede que tentem outras opções.

Temas relacionados
Canal de L'Oréal Paris

10 vídeos para você assistir enquanto espera a hidratação