Beleza Extraordinária

Confira dicas para lidar com as diferentes texturas no cabelo cacheado e crespo!

  • Alguns cuidados podem ajudar a amenizar a diferença de textura dos cachos
Tela cheia
Previous Next
Alguns cuidados podem ajudar a amenizar a diferença de textura dos cachos

Uma das maiores reclamações das cacheadas e crespas é a diferença de textura dos cachos em determinadas partes do cabelo. Mechas que não enrolam de jeito nenhum, ondulações mais largas se misturando com cachinhos pequenos e franja sem definição são alguns dos problemas mais citados, tanto entre as que sempre usaram os fios ao natural quanto com as que acabaram de passar pela transição capilar. Mas você sabia que existem alguns truques que podem te ajudar a deixar os cabelos com uma aparência mais uniforme? Confira!

Investir em um novo corte é a dica para quem acabou de passar pela transição

Embora o problema não seja exclusividade desse grupo, as mulheres que acabaram de passar pela transição capilar são as que mais sofrem com a diferença de textura dos fios. O motivo para a queixa pode ser apenas a falta de costume com as características do cabelo cacheado - já que, com a química, é normal se habituar com o aspecto uniforme dos lisos - ou a presença de pontas esticadas que acabaram permanecendo mesmo depois do big chop.

No dia de retirar toda a química, é normal que uma ponta ou outra acabe passando despercebida pela tesoura do cabeleireiro, assim como também é comum que algumas mulheres prefiram preservar um pouco do tamanho dos fios com medo de não se acostumarem com o curtinho. Nos dois casos, a dica para resolver o problema é atualizar o corte! Por menores que sejam, as pontas processadas pelos alisamentos e relaxamentos acabam modificando o aspecto das madeixas por esticarem a parte natural, impedindo que os cachos se formem da maneira correta e fiquem como as outras partes do cabelo. É claro que essa não é a resposta para a diferença de texturas em todas que acabaram de passar pela transição, mas experimente dar uma olhada com calma nas madeixas para ver se alguma pontinha lisa ainda está escondida por aí. 

Aposte em finalizações diferentes de acordo com a textura de cada parte 

Tendo passado ou não pela transição capilar, outra dica importante para igualar a textura dos fios é testar finalizações diferentes em cada parte do cabelo. Por exemplo: se os seus cachos se formam facilmente na parte de trás, mas ficam menos definidos na franja, você pode recorrer ao dedoliss - ou a qualquer outra texturização - para deixar os fios com um aspecto mais uniforme. A fitagem, finalização favorita da maioria das cacheadas e crespas, também é uma boa maneira de deixar as ondulações mais certinhas; mas, nos dias em que bater a preguiça de fazer a técnica mecha por mecha, reserve um tempinho para usar o truque nas partes que mais destoam do restante das madeixas. 

Abuse dos óleos capilares para resolver o problema nas partes mais ressecadas

Além da diferença de textura propriamente dita, o ressecamento concentrado em determinadas partes também faz com que os fios acabem exibindo partes diferentes. Para amenizar esse problema e ficar com os cachos mais bonitos, o segredo é investir na lavagem com um shampoo menos agressivo, seguir fielmente um cronograma capilar e recorrer a óleos capilares tanto para hidratar quanto para finalizar os cabelos.

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial

últimas matérias

Ver mais