Beleza Extraordinária

Como pintar o cabelo com o couro cabeludo sensível? Saiba qual coloração é a mais indicada e veja como usar

  • Veja como pintar o cabelo com o couro cabeludo sensível (Foto: Instagram @rona_mahal)
Tela cheia
Previous Next
Veja como pintar o cabelo com o couro cabeludo sensível (Foto: Instagram @rona_mahal)

A coloração faz parte do dia a dia de muitas mulheres, principalmente das mais vaidosas que não resistem a colorir os fios para conquistar a cor de cabelo tendência do momento ou só para cobrir o cabelo grisalho. Mas e quando o couro cabeludo é sensível? Você sabe o que pode fazer para evitar o problema sem abrir mão da coloração?

Há quem diga que as pessoas com couro cabeludo sensibilizado não podem pintar o cabelo, mas isso não é exatamente verdade. O segredo para não provocar uma irritação é usar os produtos certos - e se certificar de que eles não vão deixar a pele ainda mais sensível. Confira as dicas na matéria!

Prefira os tonalizantes para pintar o couro cabeludo sensível

Se o seu couro cabeludo é sensível e você já teve alguma reação alérgica ao usar uma coloração permanente, é provável a amônia seja a causadora do problema. Para evitar esse cenário, uma boa opção é usar os tonalizantes - que são tintas semipermanentes livres de amônia na composição.

Vale lembrar que os tonalizantes podem ser usados para fazer a coloração global ou até mesmo para cobrir os fios brancos. Mas, antes de usá-los para pintar os fios, é importante ler o rótulo e se certificar de que não exista na fórmula nenhum outro componente que possa te causar alergia.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Lifestyle, Beauty & Curls (@beautybylee) em

Não se esqueça de fazer o teste de toque

Para garantir que a coloração escolhida para o seu cabelo não provoque uma irritação no couro cabeludo, é fundamental fazer o teste de toque antes de fazer a transformação das madeixas. Para isso, misture o creme revelador e o colorante em um recipiente - uma colher de chá de cada um já é o bastante.

Quando a mistura estiver homogênea, passe um pouco no antebraço ou atrás da orelha. Aguarde o tempo de ação do produto e lave bem a região. Depois, espere 24 horas para ter certeza de que não ocorra nenhuma reação alérgica. Se nada acontecer, já pode usar o tonalizante nos fios sem medo.

Como cuidar da irritação no couro cabeludo?

Para quem tem couro cabeludo sensível, o ideal é evitar as colorações com amônia. Mas, se você não sabia da sensibilidade e acabou descobrindo a reação alérgica depois de pintar os cabelos, existem formas simples de minimizar o problema.

O primeiro passo é procurar um hidratante para o couro cabeludo que tenha propriedades calmantes. Isso vai ajudar a amenizar a ardência ou coceira na região. Além disso, suspenda o uso do secador e da chapinha até a irritação passar e lave o cabelo apenas na água fria. Caso os sintomas não melhorem, procure um médico dermatologista imediatamente.

Redação: Gabrielle Nunes

Temas relacionados
Cabelos danificados têm solução?

Descubra qual é o melhor shampoo para esse problema

últimas matérias

Ver mais