Beleza Extraordinária

Como acabar com a caspa: veja 7 erros que podem estar prejudicando o tratamento

  • Descubra 7 hábitos que podem estar piorando o problema da caspa e saiba como evitá-los! Foto: Pixelformula
Tela cheia
Previous Next
Descubra 7 hábitos que podem estar piorando o problema da caspa e saiba como evitá-los! Foto: Pixelformula

Quem sofre com caspa nos cabelos sabe que a rotina de beleza deve ser bastante cuidadosa para evitar agravar o problema. Além de investir em uma linha de tratamento específica para eliminar os floquinhos brancos, é importante abandonar alguns hábitos que podem estar piorando a descamação do couro cabeludo. Confira os 7 erros mais comuns na hora de cuidar dos fios com caspa e saiba como evitá-los!

1. Usar acessórios apertados, como chapéus e gorros

Acessórios como chapéus e gorros deixam a região do couro cabeludo muito abafada, o que promove a transpiração e estimula a proliferação do fungo que origina a caspa. Assim, é importante evitar usar este tipo de adornos, especialmente com cabelos molhados ou úmidos, e o mesmo é válido para penteados apertados como coques enquanto os fios não estiverem completamente secos. As tiaras e arquinhos também devem ser usados com cuidado, já que o atrito que causam em contato com o couro cabeludo também pode piorar o problema. 

2. Aplicar o condicionador no couro cabeludo

Outro hábito que também deve ser evitado é o de aplicar condicionador muito próximo ao couro cabeludo, já que isto estimula a produção de oleosidade e obstrui os poros, promovendo a criação de caspa. Mesmo que a fórmula seja específica para cabelos com este tipo de problema, o ideal é aplicá-la a uma distância de pelo menos cinco centímetros da raiz. 

3. Usar um shampoo anticaspa inadequado

Embora disfarcem o problema temporariamente, muitos shampoos anticaspa deixam os fios e o couro cabeludo extremamente ressecados, fazendo com que a a pele da região fique em desequilíbrio e produza mais oleosidade e, consequentemente, mais caspa. Por isso, invista em uma fórmula suave, que seja eficaz no combate aos floquinhos brancos e que hidrate os fios ao mesmo tempo. 

4. Lavar o cabelo com pouca frequência

Quem lava os fios poucas vezes na semana tem mais propensão a desenvolver o fungo da caspa, uma vez que a oleosidade acumulada fica em contato com o couro cabeludo durante mais tempo. O ideal para as donas de fios com caspa é lavá-los assim que sentir as raízes oleosas, em dias alternados ou mesmo todos os dias, para evitar o acúmulo de resíduos.

5. Fazer tratamentos químicos como alisamentos e permanentes

Alguns tratamentos químicos podem inflamar o couro cabeludo, podendo causar alergias e outros tipos de problemas que agravam a descamação. Quem sofre com a caspa deve evitar se submeter a este tipo de procedimentos, ou procurar não deixar os produtos químicos entrarem em contato com o couro cabeludo. 

6. Lavar os fios com água muito quente

A temperatura do chuveiro também é importante no tratamento anticaspa. Água muito quente resseca o couro cabeludo e estimula a produção de excessiva de oleosidade, criando sensibilidade e irritação. Ao mesmo tempo, a alta temperatura deixa os fios secos e quebradiços, por isso o ideal é apostar em lavar os cabelos com água morna. 

7. Exagerar no consumo de gorduras

A alimentação também tem um papel importante no combate contra a caspa. Ingerir alimentos muito gordurosos estimula a produção de oleosidade no couro cabeludo que, por sua vez, promove a proliferação do fungo da caspa. Procure equilibrar a sua dieta aumentando o consumo de água e evitando as gorduras saturadas e os alimentos processados. 

Temas relacionados
Retoque de raiz:

Descubra qual é a sua cor de Magic Retouch!

últimas matérias

Ver mais