Beleza Extraordinária

Cabelos secos e ressecados têm diferença? Descubra como tratar cada caso

  • Cabelos secos e ressecados têm diferenças nas características e nos tratamentos para deixá-los saudáveis e com brilho
Tela cheia
Previous Next
Cabelos secos e ressecados têm diferenças nas características e nos tratamentos para deixá-los saudáveis e com brilho

Cabelos secos e ressecados podem parecer sinônimos, mas, na prática têm suas diferenças. Quem sofre com os dois tipos, costuma ter problemas com frizz, madeixas ásperas e embaraçadas, e precisa de tratamento adequado para recuperar a saúde dos fios. Os fios secos são uma característica hereditária e precisam de cuidado durante toda a vida, já o ressecamento acontece pelos danos químicos e físicos ao cabelo que, sem o devido cuidado, passam a modificar textura e aspecto das madeixas.

Madeixas secas: tipo de cabelo é natural e precisa de equilíbrio

O cabelo seco é uma característica do fio e acontece por motivos genéticos. As madeixas são naturalmente menos hidratadas por causa das glândulas sebáceas, que produzem pouca oleosidade, deixando os fios opacos, rebeldes ou quebradiços independente de terem sofrido algum tratamento químico. Para esse tipo de madeixa, o ideal é apostar em tratamentos hidratantes que mantenham o equilíbrio dos fios: "cabelos secos precisam de hidratações semanais. Os produtos usados diariamente em casa também precisam ter essa propriedade hidratante, com shampoo e condicionador específicos para esse tipo de cabelo. É importante nunca usar finalizadores que contenham alcool na fórmula, como os em gel, pois ressecam o cabelo", ensinou a cabeleireira Cristina Castro.

Ressecamento: tratamentos ajudam a deixar os fios saudáveis novamente

O fio ressecado é resultado de tratamentos químicos, danos físicos ou até mesmo agressões externas, como o vento, sol e a poluição. Esse é o tipo de cabelo que foi adquirindo algumas características com o tempo, como estrutura frágil, que arma facilmente; aspereza; embaraçados; frizz e pontas duplas.

Em alguns casos, junto ao ressecamento, o cabelo também fica poroso e danificado, o que o deixa quebradiço e ainda mais frágil. Para combater esse estado capilar, Cristina explica que é preciso reconstruir a fibra do fio: "para recuperar o ressecado, é preciso hidratar o cabelo, fazer tratamentos. Uma boa opção é experimentar cauterização e outros tipos de procedimento que recuperam a massa capilar e melhoram as características do cabelo, que são perdidas durante colorações e alisamentos", explicou a cabeleireira.

Temas relacionados
Canal de L'Oréal Paris

10 vídeos para você assistir enquanto espera a hidratação