Beleza Extraordinária

Cabelos quebrados por relaxamento ou descoloração: como recuperar?

  • Para recuperar fios quebrados a saída está em deixar o secador de lado e apostar na reconstrução
Tela cheia
Previous Next
Para recuperar fios quebrados a saída está em deixar o secador de lado e apostar na reconstrução

É difícil se recuperar do choque de ver o cabelo quebrando, mas quando isso acontece é preciso ter em mente uma coisa: há solução. Os motivos da quebra podem ser muitos, mas as químicas ainda estão no topo da lista segundo o cabeleireiro Anderson Couto. "Deixar a tinta por mais tempo do que o recomendado ou fazer o relaxamento por cima de um cabelo já alisado são algumas das principais causas", conta. Para quem se identificou com alguns dos caso, o profissional revela exagerar na reconstrução também não é saudável: "queratina em excesso enrijece os fios e pode causar o efeito contrário", revela o expert. Outro veneno para quem está em tratamento é o calor do secador e chapinha. Para Anderson, o uso desses equipamentos pode ser mantido por quem está em um estado inicial de quebra, mas precisa ser cortado por quem está com madeixas muito danificadas: "o calor ajuda a quebrar fios mais sensíveis. Depois que eles estiverem recuperados, é permitido voltar a usar", conta.

Quando saber que o cabelo precisa de reconstrução?

Anderson revela que a reconstrução é indicada principalmente para quem está com o cabelo elástico e vulnerável à quebra por causa da química, mas que as mulheres que já estão com os fios quebrados também não podem dispensar o tratamento: "o fio que se partiu não tem mais jeito, mas é importante fazer o tratamento para evitar que o resto também quebre", explica.

Outro momento em que a reconstrução se torna indispensável é antes de aplicar a química, assim o cabelo estará forte e não correrá o risco de quebra: "recomendo fazer uma vez por semana durante um mês antes de se submeter a alguma química mais agressiva", indica o cabeleireiro.

E quando o cabelo quebra perto da raiz?

Uma situação ainda mais complicada acontece quando os fios quebram na hora da aplicação da química e se partem perto da raiz. "Esse tipo de quebra geralmente é resultado do uso do pente nos relaxamentos, que acabam puxando os fios para o lado contrário de redemoinhos. O creme alisador deve ser apenas espalhado e agir sozinho", revela. Quando o problema ocorre, Anderson aconselha a usar o próprio cabelo como aliado: "não há muito o que fazer nesses casos, mas dividir o cabelo de uma forma diferente que vá cobrir a falha pode ajudar a manter o visual até eles crescerem de novo", conta.

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial

últimas matérias

Ver mais