Beleza Extraordinária

Cabelos lisos e looks inspirados nos anos 1980: veja as produções do primeiro dia do Fashion Rio

  • Patricia Viera, que abriu a primeira noite de desfiles do Fashion Rio, apostou no rabo de cavalo baixo, com risca central
  • Victor Dzenk buscou inspiração no cabelo liso chapado do Axl, vocalista do Guns and Roses, para o inverno 2014
  • A grife Alessa levou a referência urbana também para os cabelos e desfilou um clássico topete rocker, com um volume quadrado
  • No penteado da Patricia Viera, foram usados produtos para alisar e ajudar. Depois de escovar e pranchar, separe a frente do cabelo desde a linha da orelha e prenda
  • O spray finalizador também ajudou a dar o volume no rabo de cavalo e fixar melhor o penteado. Vá liberando mecha por mecha e trabalhando com o fixador e escova, alisando pacientemente
  • Os cabelos foram divididos com risca central e bem polidos na parte de cima da cabeça
  • Para o volume no comprimento, foi usado spray fixador
  • O resultado dos cabelos da Patricia Viera foi um rabo de cavalo desfiado, com muito volume
Tela cheia
Previous Next
Patricia Viera, que abriu a primeira noite de desfiles do Fashion Rio, apostou no rabo de cavalo baixo, com risca central
  • Patricia Viera, que abriu a primeira noite de desfiles do Fashion Rio, apostou no rabo de cavalo baixo, com risca central
  • Victor Dzenk buscou inspiração no cabelo liso chapado do Axl, vocalista do Guns and Roses, para o inverno 2014
  • A grife Alessa levou a referência urbana também para os cabelos e desfilou um clássico topete rocker, com um volume quadrado
  • No penteado da Patricia Viera, foram usados produtos para alisar e ajudar. Depois de escovar e pranchar, separe a frente do cabelo desde a linha da orelha e prenda
  • O spray finalizador também ajudou a dar o volume no rabo de cavalo e fixar melhor o penteado. Vá liberando mecha por mecha e trabalhando com o fixador e escova, alisando pacientemente
  • Os cabelos foram divididos com risca central e bem polidos na parte de cima da cabeça
  • Para o volume no comprimento, foi usado spray fixador
  • O resultado dos cabelos da Patricia Viera foi um rabo de cavalo desfiado, com muito volume

Em sua primeira noite de desfiles, o Fashion Rio confirmou o que todas as últimas semanas de moda já tinham revelado: o liso é o cabelo da vez. Nas três apresentações do dia a textura imperou, com diferentes inspirações, a começar pelo rabo de cavalo baixo visto na passarela da Patrícia Viera. Uma tendência que aparece ainda timidamente mas que vale prestar atenção está nas referências à década de 1980. Esse estilo mais extravagante foi visto nos desfiles das grifes Alessa e Victor Dzenk.

Tendência máxima no desfile de Patrícia Viera

Uma passada no backstage da marca de Patrícia Viera revelou que o rabo de cavalo baixo, símbolo da temporada, não é assim tão simples de ser executado. Camadas e mais camadas de cabelo alisadas e posicionadas com a ajuda de sprays poderosos são alguns dos passos pelos quais a produção desse estilo passa, deixando o maior diferencial para o rabo em si, que foi desfiado para ganhar volume.

Aprenda a fazer o penteado da temporada

1 – Antes de começar, os cabelos passaram por um tratamento especial: "usei produtos da linha Liss Control, da L'Oréal, para alisar e ajudar na hora da escova e prancha", revelou o top cabeleireiro Max Weber.

2 – Depois de escovar e pranchar, separe a frente do cabelo desde a linha da orelha e prenda.

3 - Vá liberando mecha por mecha e trabalhando com o fixador e escova, alisando pacientemente - isso vai deixar o cabelo chapado, praticamente sem volume na raiz. A regra é não economizar na quantidade de produto para conseguir o efeito ideal e para o desfile o escolhido foi um spray da linha Infinium, que cumpriu o trabalho de abaixar e fixar, mas sem uma aparência dura.

4 – Quando chegar à risca central, prenda o rabo na nuca e desfie o comprimento para conseguir bastante volume, sempre usando spray para fixar. "Usei o Forceful 23 da Redken, que tem uma fixação ainda maior", conta Weber.

Anos 1980 ganham novos ares nos desfiles de Victor Dzenk e Alessa

Com coleção inspirada na arquitetura de Paulo Mendes da Rocha, a Alessa levou a referência urbana também para os cabelos exibindo um clássico topete rocker. Esse volume mais quadrado é característico dos anos 1980, década que deve voltar com tudo nesta temporada. A finalização do penteado fica por conta do rabo de cavalo preso na altura da nuca; tendência máxima do inverno.

A coleção também é inspirada no rock dos anos 1980 mas a intenção era sair do óbvio. Quando se pensa nessa década a principal referência são os cabelos maxi volumosos. Ewerton Pacheco revelou que a grife preferiu seguir um caminho oposto e inédito: "buscamos sair do clássico volumoso e bagunçado que a gente costuma ver quando nos referimos à década e nos inspiramos no liso chapado do Axl, vocalista do Guns and Roses", contou.

A banda, que vivia seu auge na época, também foi responsável por popularizar as bandanas que nunca saiam da cabeça de Axl – no desfile elas ganharam uma estética refinada com animal print e prometem muito estilo para o inverno.

Temas relacionados
Skincare:

Como usar argila no rosto? Veja para que serve cada máscara facial

últimas matérias

Ver mais