Beleza Extraordinária

Antes de colorir os cabelos: a importância dos testes de mecha e toque para evitar reações alérgicas graves

  • O teste de mecha é importante para identificar possíveis reações alérgicas aos componentes da coloração.
Tela cheia
Previous Next
O teste de mecha é importante para identificar possíveis reações alérgicas aos componentes da coloração.
Muitas vezes, o teste de mecha e os de toque são ignorados pelas mulheres ao tingir os cabelos. O procedimento é indicado para evitar reações, e através dele, é possível determinar as condições dos fios para receber o produto e também evitar possíveis irritações, alergias ou lesões aos cabelos e couro cabeludo: " ele é feito para afastar a possibilidade de uma dermatite de contato pelos componentes da tinta. Isso pode acontecer até mesmo com produtos que são usados regularmente, porque se houver uma sensibilidade à substância, o organismo pode reagir durante uma das aplicações", explicou a alergista e imunologista Alexandra Sayuri Watanabe, diretora da Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia.

Teste de mechas precisa ser repetido a cada nova aplicação

Apesar do número de pessoas alérgicas aos componentes de colorações ser pequeno, a importância do teste é grande para evitar reações graves. A dermatologista Vivilaine Campelo explica que essa é a razão de porque em todas as aplicações seja necessário fazer o processo: "não há garantias de que uma pessoa não possa desenvolver um processo alérgico a qualquer momento, mesmo já tendo feito o teste de contato na primeira vez. O correto seria realizar o teste sempre antes da tintura, ficando atenta aos sintomas que podem surgir na aplicação", explicou.

Testes evitam reações alérgicas e alergias no couro cabeludo

Pessoas que já fizeram tatuagem de henna preta ou que já tiveram algum tipo de reação com produtos não devem pintar o cabelo antes de consultar um médico porque podem ter adquirido alergia. Já quem está com o couro cabeludo irritado ou machucado pode acabar ferindo ou criando irritações que são parecidas com uma reação alérgica: "há diferenças entre irritação e alergia, porque a irritação é uma ardência local onde o componente foi aplicado, principalmente se houver feridas no couro cabeludo. Já a alergia pode durar dias", explicou a alergista Alexandra Sayuri.
A imunologista explica que os sintomas da reação alérgica podem ser desde dor e irritação, até bolhas e, em alguns casos extremos, problemas respiratórios. A médica aconselha a procurar ajuda hospitalar no primeiro momento para impedir que a situação se agrave. Por isso, a dermatologista Vivilaine, do Instituto da Pelle, aconselha a fazer o teste corretamente, além de usar bons produtos e procurar um profissional em caso de dúvida, o que pode fazer a diferença para quem tem medo de reações alérgicas, já que existirá mais controle sobre o processo.

Como fazer o teste de mecha e do toque corretamente

Para fazer a prova do toque, é necessário retirar os brincos e aplicar um pouco do creme colorante, com a ajuda de um cotonete, atrás da orelha. Deixe secar e repita o processo mais duas vezes, sempre deixando secar a cada intervalo. Depois, espere 48 horas sem lavar, cobrir ou tocar o local. Se depois desse período a pele tiver reações anormais como coceira, vermelhidão ou inchaço local, é desaconselhado o uso da tinta.
Já o teste de mecha é feito na extensão do cabelo e funciona principalmente para quem tem algum tipo de química nos fios e teme um problema de compatibilidade. Para testar, escolha uma mecha próxima à nuca ou que tenha muitos brancos e aplique o produto como na prova do toque. Se ao final do período de tempo indicado pelo fabricante o cabelo continuar com textura e aparências boas, está liberado o uso da coloração em toda a madeixa.
Temas relacionados
Retoque de raiz:

Descubra qual é a sua cor de Magic Retouch!