Beleza Extraordinária

Agenda de beleza: os tratamentos de beleza para se programar ao longo de 2014

  • Início de ano é tempo de mudança. Inspire-se em procedimentos para mudar o visual durante o ano
Tela cheia
Previous Next
Início de ano é tempo de mudança. Inspire-se em procedimentos para mudar o visual durante o ano

Como em toda virada de ano, as promessas e resoluções geralmente envolvem mudança em relação a vários aspectos da vida, da alimentação às finanças, sem esquecer da beleza, é claro. Por isso, nada melhor do que iniciar o ano com uma mudança radical no visual, já que nesta época as mulheres estão mais dispostas a apostar em cuidados estéticos extras, procurando tratamentos que vão garantir cabelos e pele deslumbrantes durante o ano todo. O primeiro mês do novo ano é o momento perfeito para atualizar a agenda de beleza e investir nos mais diversos procedimentos, dos mais rápidos até aqueles com efeito a longo prazo.

Invista em tratamentos que vão te deixar linda o ano todo:

1. Restaurar cabelo elástico por procedimentos químicos - 2 sessões

Procedimentos químicos como alisamento e coloração feitos com um intervalo inferior ao indicado, ou o uso excessivo de secador ou chapinha podem sacrificar a saúde dos cabelos e deixá-los com o efeito elástico - também conhecido como "efeito chiclete". Para restaurar os fios é importante investir em tratamentos intensivos como a reconstrução capilar, que irá aumentar a massa do fio e devolver substâncias como queratina, ceramidas ou a cauterização. "Indico fazer uma cauterização molecular. Conseguimos ver o resultado já na 2ª aplicação", afirmou a cabeleireira Marcia Ozorio, do Studio Marcia Ozorio. O tratamento de hidratação deve ser somado ainda com cuidados diários, como evitar o uso da chapinha e do secador, que devido ao calor excessivo retiram a pouca quantidade de água que os cabelos ainda conseguem reter.

2. Melhorar o aspecto das estrias e celulite - De 1 a 5 meses

Duas das maiores inimigas das mulheres - ainda mais com a chegada do verão - as estrias e celulites podem ser bem persistentes e atrapalhar a autoestima. A celulite é causada por uma alteração das células de gordura que ficam embaixo da pele, que pode ser ocasionada por diversos motivos, como mudanças hormonais. O resultado é um inchaço dessas células e irregularidade na camada subcutânea da pele. Para amenizar o problema, o mais indicado é buscar tratamentos que melhorem o funcionamento dos sistemas linfático e circulatório. "Entre os tratamentos estéticos e dermatológicos, como drenagem linfática, aparelhos que utilizam a endermoterapia (massagem, sucção, rolamento), infravermelho e radiofrequência necessitam de 10 a 20 sessões, que podem ser semanais ou com frequência maior, dependendo da técnica utilizada. Os resultados podem ser visíveis a partir da metade do tratamento, que será mais rápido e eficaz se o paciente mudar todo o seu estilo de vida conforme dito anteriormente", explicou a dermatologista Carolina Stano.

Já as estrias aparecem quando as fibras elásticas e de colágeno se rompem, ocorrendo normalmente quando a pele sofre um processo de crescimento muito rápido em pouco tempo, não conseguindo se acostumar com a nova forma. Os tratamentos mais indicados referem-se a reposição de colágeno para recompor o tecido, como aplicação de ácidos retinoico, glicólico e ascórbico no local, a dermoabrasão e tratamentos a laser. "O laser fracionado é considerado o tratamento mais eficaz para o tratamento das estrias, desde as mais recentes (vermelhas) até as brancas, mais antigas. O tratamento não garante cura do problema, e sim uma melhora no aspecto da pele afetada. Dependendo do aparelho utilizado, são indicadas de 6 a 10 sessões mensais. Os resultados geralmente começam a ser perceptíveis a partir da terceira sessão", explicou a dermatologista do Instituto da Pelle.

3. Sumir com os poros dilatados - De 4 a 8 sessões

Mulheres com a pele oleosa costumam sofrer também com os poros dilatados, devido a maior produção de sebo das glândulas. Além de manter a pele sempre limpinha, lavando o rosto duas vezes ao dia, existem tratamentos estéticos específicos que amenizam o problema, como os feitos com luz pulsada, lasers fracionados e peelings químicos. "Uma rotina com produtos adequados ao tipo de pele é indispensável para quem quer uma pele mais uniforme com poros menos aparentes: limpeza, proteção solar, hidratação e renovação celular são etapas fundamentais. O tratamento com laser também ajuda a melhorar o aspecto dos poros dilatados ao estimular o colágeno da pele; em geral são usados os lasers fracionados. São necessárias de 4 a 8 sessões dependendo do aparelho utilizado e a melhora geralmente pode ser vista a partir da segunda ou terceira sessão", explicou Carolina.

4. Ter um cabelo mais volumoso (com megahair) - de 10 minutos a 1 hora

Ter cabelos longos e volumosos do dia para a noite é o desejo de muitas mulheres, e a solução é facilmente encontrada com a aplicação de megahair. As técnicas de aplicação são muitas, variando entre cola de queratina, pistola a laser, faixa giambertone, hotheads, alongamento a frio e great lengths. O tempo de aplicação varia e o mais rápido pode ocupar apenas 30 minutos da rotina de beleza. "Várias técnicas podem ser utilizadas. Uma das mais rápidas e práticas pode ser feita em casa e leva cerca de dez minutos, é o tic-tac. Se a cliente não quiser ter trabalho, pode ir ao salão para fazer o express hair, que leva em torno de uma hora para ficar pronto", explicou a especialista Marcia Ozorio.

5. Eliminar sinais de idade como rugas, manchas na pele e flacidez - De 1 a 12 meses

Existem muitas maneiras de prevenir o envelhecimento da pele, mas não é necessário se submeter a cirurgias ou procedimentos dolorosos para amenizar os sinais da idade. Algumas mudanças na rotina de beleza são capazes de eliminar sinais como rugas, manchas e flacidez. As rugas são causadas pela perda de líquido, por isso é importante apostar em produtos antirrugas que contenham ácido hialurônico na sua fórmula. "Os lasers fracionados também promovem um grande estímulo ao colágeno da pele, que é a proteína que garante maior firmeza, tônus e viço à nossa pele. Dependendo do grau de envelhecimento e do aparelho utilizado, serão necessárias de 4 a 8 sessões", explicou a dermatologista Carolina Stano.

Já as manchas da pele podem ser combatidas com tratamentos à base de despigmentantes, que agem como clareadores. As manchas mais profundas, no entanto, precisam ser tratadas com laser. A flacidez da pele, por sua vez, é causada pela degradação das fibras elásticas, que ocorre por meio do envelhecimento. Para tratar, o mais indicado é apostar em produtos com ácido retinóico, que irão estimular a produção de colágeno, responsável pela maior firmeza da pele. "A flacidez é um problema de difícil tratamento quando em fases mais avançadas, então o tratamento de prevenção é indicado tão logo sejam notados os primeiros sinais, em torno dos 30 anos de idade. Equipamentos que utilizam infravermelho e radiofrequência são indolores e não-invasivos, e necessitam geralmente de 3 a 6 sessões, mensais ou quinzenais", explicou a especialista do Instituto da Pelle.

6. Sumir com o aspecto amarelado dos fios loiros - 10 minutos

Os cabelos descoloridos tendem a ganhar uma tonalidade amarelada devido a oxidação natural dos fios, que pode ser estimulada pela exposição a altas temperaturas, como as radiações solares ou uso de aparelhos como secador e chapinha. Os shampoos neutralizadores, também conhecidos como desamareladores, são os maiores aliados na batalha contra o loiro amarelado. Os primeiros sinais já são perceptíveis com apenas uma aplicação, mas para que o tom seja mantido é importante utilizar o produto específico em média uma vez por semana.

7. Reduzir a queda capilar - 10 a 20 sessões

Seja por alterações hormonais, pela má alimentação ou pelo uso excessivo de químicas ou secador e chapinha, a queda capilar vem sendo cada vez mais frequente entre as mulheres. Para combater o problema e reduzir a quantidade de fios perdidos, é importante fazer uma pausa dos procedimentos químicos, que podem deixar os fios mais frágeis e quebradiços. Uma alimentação mais rica em ferro e vitamina C, além de tratamentos específicos como a carboxiterapia, onde o gás é injetado no couro cabeludo, descolando e expandindo o tecido, ocasionando a melhora da circulação e fazendo novos fios nascerem. Em casos mais graves, no entanto, a melhor solução é investir em um transplante de unidades foliculares, onde são retirados fios da nuca e aplicados onde há falhas.

8. Abandonar o alisamento e assumir os cachos - De 1 a 2 anos

A tendência de cabelos lisos apareceu forte durante muitos anos e conquistou diversas seguidoras. As mulheres que se arrependeram ou cansaram do visual e desejam voltar a assumir os cachos, no entanto, podem passar por um período de adaptação até as madeixas ganharem a forma desejada. O liso pode demorar mais de um ano para sumir totalmente, já que os fios crescem apenas cerca de 1 cm por mês, o que significa 12 cm ao ano. "É um processo demorado. Para disfarçar a raiz, fazemos um relaxamento e cortamos de dois em dois meses para não ter o contraste do cabelo natural com o alisado. Leva em torno de 1 a 2 anos", explicou a cabeleireira Marcia Ozorio. A única maneira de voltar a ter cachos é cortando a parte alisada, mas aquelas que não estão dispostas apostar em fios curtinhos e preferem enfrentar o processo aos poucos, podem driblar a diferença entre a raiz e as pontas aplicando finalizadores como mousse ou pomada, além de usar babyliss para igualar os fios.

9. Diminuir a oleosidade dos cabelos - 5 minutos

Cabelos oleosos, pesados e sem movimento é uma das principais queixas das mulheres, que sofrem na busca diária por madeixas sempre bonitas e saudáveis. O primeiro passo para combater a oleosidade capilar é manter os fios sempre limpos. Aposte em shampoos específicos para o seu tipo de cabelo e use água morna. A água quente retira melhor a oleosidade, mas logo após pode ocorrer o famoso efeito rebote, fazendo o couro cabeludo produzir mais óleo. "Indico usar um shampoo adequado para os fios oleosos. Se a pessoa estiver com escova e não tiver tempo para ir ao salão, podemos usar shampoo a seco, que é aplicado em apenas cinco minutos", ensina a especialista Marcia Ozorio. Aquelas que desejam ainda uma limpeza mais profunda, podem investir em tratamentos como a argiloterapia, processo que ajuda a reduzir a oleosidade e eliminar a seborreia e a caspa. É importante ainda evitar o uso de cremes ou condicionadores próximo à raiz dos cabelos e usar o secador em uma baixa temperatura, já que o calor estimula a produção de óleo.

10. Mudar o corte após o sidecut - De 1 a 2 anos

O sidecut foi uma das tendências mais fortes de 2013 e muitas mulheres adotaram o corte com um lado da cabeça raspada. O estilo, porém, pode dar algum trabalho na hora de mudar o corte dos cabelos. Como os fios crescem em média 1 cm por mês, poderia levar até mais de um ano para que a parte raspada chegassem ao mesmo comprimento do restante, dependendo do tamanho das madeixas. Por isso, o momento é perfeito para quem deseja radicalizar e apostar em fios mais curtos, como no estilo pixie. Aquelas que gostam mesmo é dos cabelos longos, vale trocar o lado da risca e apostar em acessórios, como chapéu e lenços, que vão ajudar a camuflar as madeixas.

11. Livrar o cabelo do frizz - 10 minutos

Grande inimigo principalmente das mulheres com cabelos ondulados, crespos ou cacheados, o frizz pode ser evitado apenas com algumas mudanças na rotina de beleza da mulher. O primeiro passo é livrar-se de produtos com álcool na fórmula, que fazem a fibra capilar inchar e potencializar o problema. Aposte em produtos com óleo natural, que vão ajudar a blindar os fios e mantê-los no lugar, selando a fibra capilar. "Para livrar o cabelo do frizz, se ele for liso, pode se usar o sérum ou o leave-in apropriado para controle de volume. Se for um cabelo cacheado, sugiro utilizar um creme de pentear. Em ambos os casos o procedimento leva cerca de dez minutos", explicou a cabeleireira Marcia Ozorio.

12. Conquistar dentes mais brancos - De 1 a 6 semanas

Um sorriso bonito é um dos maiores artifícios de beleza das mulheres. Por isso os procedimentos de clareamento dental são cada vez mais procurado pelas mulheres que buscam dentes mais brancos. Existem basicamente dois tipos de clareamento: caseiro e no em consultório. O processo acontece gradativamente, por isso a média de tratamento para um clareamento caseiro varia de 4 a 6 semanas, e para o clareamento em consultório varia de 1 a 3 sessões.

Temas relacionados
Retoque de raiz:

Descubra qual é a sua cor de Magic Retouch!