Beleza Extraordinária

7 erros comuns na hora de aplicar o protetor solar: saiba quais são e como evitá-los

  • Saiba quais são os 7 erros mais comuns na hora de aplicar o protetor solar e aprenda como evitá-los
Tela cheia
Previous Next
Saiba quais são os 7 erros mais comuns na hora de aplicar o protetor solar e aprenda como evitá-los

Com verão batendo à porta e o calor que já aperta, fica cada vez mais difícil esquecer de aplicar o protetor solar. No rosto, pescoço, mãos e todas as áreas do corpo que ficam expostas, este é um passo essencial na rotina diária de beleza de qualquer mulher, mesmo quando se passa o dia em casa ou no escritório. Na praia, os cuidados têm que ser redobrados, mas ainda há mitos e falhas que são cometidos com frequência. Confira os 7 erros mais comuns na hora de aplicar o creme de proteção solar e saiba como evitá-los!

1 - Aplicar o protetor solar apenas de manhã

Muita gente tem por hábito aplicar o protetor apenas quando sai de casa, sem saber quão nociva esta prática é. Geralmente, as fórmulas de proteção duram na pele no máximo por duas horas, e, depois deste período, não são mais eficazes. O suor e os banhos de àgua salgada ou de piscina também vão retirando o produto da pele, expondo-a de novo ao sol.

2 - Aplicar protetor apenas nos dias ensolarados

Em dias nublados ou de chuva, 40% dos raios solares nocivos atingem a superfície da terra, e também podem causar danos à pele. Desta forma, é importante usar protetor solar em todos os dias do ano.

3 - Usar pouca quantidade de produto

Para conseguir o máximo de proteção, o corpo humano necessita, no mínimo e em média, da quantidade equivalente a três colheres de sopa de protetor solar, e, apenas para o rosto, o mesmo que uma moeda de 5 centavos. 

4 - Contar com os produtos de maquiagem com FPS para proteção total

Muitas vezes, as mulheres podem cair no equívoco de substituir o protetor solar por produtos de maquiagem que têm FPS. Além de terem fator de proteção consideravelmente menos que um creme específico, estes produtos não serão reaplicados durante o dia, como um protetor deveria ser.

5 - Esquecer de se proteger de outras formas

Além do protetor solar, a exposição exagerada na praia ou no campo requer outros tipos de proteção, como sombrinhas, chapéus e óculos de sol.

6 - Não aplicar protetor nas àreas do corpo cobertas com roupa

É de extrema importância proteger todas as partes do corpo que se forem expor ao sol, mesmo que fiquem por baixo do biquiní ou maiô, pois os raios solares também penetram certas fibras e tecidos, e de acordo com a sua intensidade, podem causar danos irreversíveis à pele.

7 - Usar o mesmo produto por vários anos

Mesmo que a embalagem do protetor solar não esteja acabando, é importante verificar o prazo de validade do mesmo. Em todos os produtos de beleza, a validade é algo a ter em conta, mas mais ainda para fórmulas específicas para combater os efeitos nocivos do sol. Com o tempo e as altas temperaturas a que é exposto, o protetor perde a sua eficácia.

Temas relacionados
Retoque de raiz:

Descubra qual é a sua cor de Magic Retouch!