Beleza Extraordinária

5 hábitos que podem estar tirando os pigmentos da coloração do seu cabelo: da lavagem à exposição solar

  • Uma dos hábitos que podem retirar os pigmentos da coloração mais rápido é expor os cabelos ao sol sem proteger os fios com produtos com FPS (Foto: Instagram @kakakakerry)
  • Não hidratar ou nutrir os cabelos coloridos em casa, com máscaras de tratamento ou óleos, também é um hábito que pode tirar os pigmentos da coloração mais rápido (Foto: Instagram @beautybylee)
  • Não hidratar os cabelos antes de colorir e não aplicar protetor térmico antes do secador também pode fazer com que a coloração dure menos tempo (Foto: Instagram @emmachenartistry)
Tela cheia
Previous Next
Uma dos hábitos que podem retirar os pigmentos da coloração mais rápido é expor os cabelos ao sol sem proteger os fios com produtos com FPS (Foto: Instagram @kakakakerry)
  • Uma dos hábitos que podem retirar os pigmentos da coloração mais rápido é expor os cabelos ao sol sem proteger os fios com produtos com FPS (Foto: Instagram @kakakakerry)
  • Não hidratar ou nutrir os cabelos coloridos em casa, com máscaras de tratamento ou óleos, também é um hábito que pode tirar os pigmentos da coloração mais rápido (Foto: Instagram @beautybylee)
  • Não hidratar os cabelos antes de colorir e não aplicar protetor térmico antes do secador também pode fazer com que a coloração dure menos tempo (Foto: Instagram @emmachenartistry)

Quem costuma pintar os cabelos com coloração permanente ou tonalizante sabe que é preciso uma boa manutenção para que a cor dure mais tempo. Isso significa ter alguns cuidados básicos no dia a dia para que a nuance não desbote, seja ela loira, castanha, ruiva ou preta. Abaixo, estão 5 hábitos que podem tirar os pigmentos da coloração muito antes do esperado - confira!

1 - Lavar o cabelo todos os dias

Lavar o cabelo todos os dias não é muito indicado para nenhum tipo de cabelo - nem para quem usa tonalizante e nem para quem usa coloração permanente ou semi-permanente. No caso do tonalizante, os pigmentos são retirados normalmente com água e shampoo, já que eles ficam fixos apenas por fora, na camada superficial do fio. Já para quem pinta com colorações temporárias ou semi-permanentes, lavar o cabelo todos os dias retira a oleosidade e o brilho natural das madeixas, deixando os fios ressecados. Ou seja, com os fios ressecados e as cutículas abertas, os pigmentos se "soltam" mais rápido.

2 - Não proteger os cabelos do sol

Se você costuma pegar muito sol - seja na praia, piscina ou no caminho de casa para o trabalho - e não aplica um produto com proteção solar nos fios, esse pode ser um dos motivos da perda rápida de cor. É que os raios UVB retiram as proteínas do cabelo, enquanto os raios UVA causam alteração de cor. Além disso, para quem toma sol na praia ou piscina, o sal e o cloro da água também afetam a cor dos fios por causa do pH alcalino. O desbotamento acontece, principalmente, nos fios loiros e ruivos, que ficam com mechas amareladas ou alaranjadas. 

Como cuidar: A dica é aplicar um creme para pentear, óleo ou leave-in que tenha fator de proteção solar antes de expor os fios ao sol. Outra dica importante antes de ir à praia ou piscina é apostar na reconstrução para repor massa e formar uma película de proteção nos fios. 

3 - Não usar protetor térmico antes do secador ou chapinha

Não abre mão da chapinha, do secador ou do difusor mas não aplica protetor térmico antes de usar os aparelhos? Esse também é um erro que pode tirar os pigmentos da coloração muito mais rápido, já que o calor dessas ferramentas resseca os cabelos porque retira a água de dentro do fio. O ideal é aplicar um finalizador, como óleo capilar ou leave-in, que tenha proteção térmica, minutos antes de secar, alisar ou cachear o cabelo. A dica é escolher produtos leves e que sejam absorvidos rapidamente, para não deixar os cabelos oleosos e pesados. 

4 - Não hidratar os cabelos coloridos com frequência

Para quem colore os fios com frequência e não aposta nos cuidados caseiros, como a hidratação ou nutrição, também pode correr o risco de ter que retocar os pigmentos da nuance mais cedo. Todo procedimento de coloração é agressivo, principalmente para quem precisa descolorir os fios primeiro, porque é preciso abrir as cutículas do cabelo para que os pigmentos entrem. Com isso, o fio fica desprotegido e sem as suas substâncias principais, como queratina, que devem ser repostas com a ajuda de máscaras de hidratação.

Dica: A hidratação, a nutrição ou a reconstrução capilar pode ser feita em casa, a cada 15 dias, com cremes de tratamento ou óleos capilares próprios para cabelos coloridos ou danificados por química. 

5 - Não preparar os fios antes de pintar com tinta ou tonalizante

De nada adianta colorir um cabelo que não está hidratado. Isso porque os fios porosos e ressecados não "seguram" os pigmentos por muito tempo, fazendo com que a nuance desbote antes do esperado - além do fato de que a cor escolhida só ficará exata se os cabelos estiverem saudáveis. A dica é intensificar os cuidados com hidratação, nutrição ou reconstrução antes de fazer os retoques da cor, para que o cabelo ganhe força e, assim, fique saudável para passar pelo procedimento da coloração .

Redação: Beatriz Doblas

Temas relacionados
Canal de L'Oréal Paris

10 vídeos para você assistir enquanto espera a hidratação