Beleza Extraordinária

4 dicas simples para não errar na hora de colorir os fios em casa

  • Confira alguns truques para não errar na hora de colorir os fios e deixar o processo bem mais simples
Tela cheia
Previous Next
Confira alguns truques para não errar na hora de colorir os fios e deixar o processo bem mais simples

Nem sempre colorir os fios no salão é uma opção viável, uma vez que os preços cobrados por um bom serviço podem ser bastante desanimadores. Uma excelente alternativa são os kits para conquistar o efeito em casa, e, seguindo alguns passos simples, é possível conseguir um resultado impecável, economizando tempo e dinheiro. Confira 4 dicas simples para não errar na hora de colorir os cabelos sozinha.

1. Opte entre uma coloração permanente ou semi-permanente

O primeiro passo para uma coloração em casa bem sucedida é escolher o tipo de produto de acordo com o resultado pretendido. Se a ideia é mudar a tonalidade de forma ligeira apenas por algumas semanas, para poder regressar ao seu tom natural assim que se cansar da cor nova, as fórmulas semi-permanentes, ou os chamados tonalizantes, são os mais indicados. Além de durarem pouco e darem apenas uma nuance diferente aos fios, estas colorações ainda acrescentam brilho aos fios, mas se a intenção é colorir os cabelos de forma duradoura, ou mesmo retocar raízes e esconder brancos, as de tipo permanente são ideais. 

2. Se for colorir os fios sozinha pela primeira vez, evite mudanças drásticas

Se esta for a sua primeira experiência com uma coloração caseira, a dica é não se arriscar tanto. Um ou dois tons acima ou abaixo da sua cor natural é o ideal, para que a margem de erro seja a menor possível. 

Tela cheia
Previous Next
Veja como colorir os cabelos da maneira correta em casa

3. Leve em conta o tom de sua pele na hora da escolha

Na hora de escolher a cor na farmácia ou supermercado, é muito importante ter em conta o seu tom de pele e quais as tonalidades que mais se adequam. Nos loiros, donas de pele clarinha podem apostar pelos acinzentados, enquanto as morenas têm toda a gama ao seu dispor e as negras devem preferir os dourados. Já os castanhos que mais favorecem as peles mais claras são os bem ricos e quentes, e já as morenas e negras não devem temer ou neutros e de reflexos cinza. Mas também há um ruivo ideal para cada tom de pele, e enquanto as clarinhas podem investir nos claros como o strawberry blonde, as morenas podem optar pelos acobreados, e as negras ficam favorecidas com tonalidades arroxeadas.  

4. Comece por pintar as camadas exteriores do cabelo

Um truque na hora de pôr a mão na massa é começar pela parte mais externa dos fios, que é a mais evidente. Uma vez que as mechas coloridas em primeiro lugar serão as que ficarão saturadas de tinta durante mais tempo, estas devem ser as mais acessíveis, e uma outra excelente dica é começar sempre pelo lado esquerdo, caso seja destra, e vice-versa. 

Temas relacionados
Cicatrização capilar:

o que é e por que apostar? Confira!