Beleza Extraordinária

Protetor solar para pele oleosa: 4 dicas para escolher o filtro ideal para você

  • Saiba como encontrar o melhor protetor solar para pele oleosa e veja o que é importante ter no produto (Foto: Artur Humeau para Unsplash)
  • Os filtros solares 'oil free' são os mais indicados para quem tem pele oleosa (Foto: Kal Loftus para Unsplash)
  • Saiba quais são as dicas para encontrar o protetor solar perfeito para peles oleosas (Foto: Hian Oliveira para Unsplash)
Tela cheia
Previous Next
Saiba como encontrar o melhor protetor solar para pele oleosa e veja o que é importante ter no produto (Foto: Artur Humeau para Unsplash)
  • Saiba como encontrar o melhor protetor solar para pele oleosa e veja o que é importante ter no produto (Foto: Artur Humeau para Unsplash)
  • Os filtros solares 'oil free' são os mais indicados para quem tem pele oleosa (Foto: Kal Loftus para Unsplash)
  • Saiba quais são as dicas para encontrar o protetor solar perfeito para peles oleosas (Foto: Hian Oliveira para Unsplash)

Quer encontrar o melhor protetor solar para pele oleosa, mas não sabe como escolher? Então essa matéria é tudo que você precisa! E desde já, vale lembrar que dá para proteger a pele dos raios UV sem aumentar a oleosidade do rosto - basta seguir algumas dicas e se atentar a detalhes específicos.

Quer saber quais são? Então continue lendo para entender como encontrar o filtro solar ideal para o rosto oleoso e aprenda como manter a pele protegida e sempre sequinha em qualquer estação do ano!

1. Procure por 'toque seco' ou 'oil free' nas embalagens

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por AMANDA WALKER (@amandarrwalker) em

Para que a fórmula não pese no rosto e nem piore o aspecto brilhoso da pele, o segredo é preferir os protetores solares que não tenham óleo e nem silicone. Para saber escolher, é só decorar o macete: procure pelas frases "oil free", "toque seco", "não comedogênico" e até "efeito matte" em algum lugar da embalagem.

Produtos com uma dessas indicações têm a fórmula mais leve e, por isso, se adequam melhor às peles oleosas - além de serem grandes aliados no controle da produção de óleo nas glândulas, já que costumam ter substâncias controladoras de sebo na composição. Isso mantém a pele sequinha por horas após a aplicação!

2. Fórmulas em gel-creme costumam ser mais compatíveis com a pele oleosa

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Whitney Madueke (@whitneymadueke) em

Ainda que existam diferentes versões de filtros solares para o rosto, é sempre bom lembrar que a textura gel-creme sai na frente quando o assunto é pele oleosa - tudo porque ela ajuda a controlar o brilho e hidratar a pele sem pesar.

Essa versão do produto é fácil de aplicar, oferece uma sensação bem confortável no rosto e, de quebra, a textura acaba sendo mais um ponto a favor para quem quer equilibrar a produção de sebo ao longo do dia.

3. Filtro solar com cor pode ser uma boa opção para peles acneicas

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Mwanini Makangira (@mwanini) em

Se você tem pele acneica e oleosa, uma dica que pode otimizar a rotina e facilitar os cuidados no dia a dia é optar pelo protetor solar com cor. A vantagem é que, com esse tipo de filtro, é possível disfarçar as imperfeições e bloquear a ação do sol no rosto de uma só vez - e com um só passo. Bem melhor, né?

Lembrando: o filtro solar com cor para peles acneicas e oleosas também deve seguir os mesmos critérios que o sem cor, ok? Ele deve ser de preferência "oil free" e ter textura gel-creme. 

4. Consulte o especialista para saber o FPS ideal para você

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por Lauren Curtis (@lozcurtis) em

O FPS é outro ponto pra lá de importante na hora de escolher o filtro solar - mas, nesse caso, é preciso analisar mais do que o nível de oleosidade do rosto para encontrar a numeração ideal para você! Sabia que o tom da pele, necessidades específicas e tempo de exposição ao sol também contam na decisão?

De forma geral, o Consenso Brasileiro de Fotoproteção recomenda o uso de filtros com FPS acima de 30, mas vale procurar pela ajuda do seu dermatologista para saber qual é o que melhor atende ao seu caso. Não perca tempo, viu? Quanto antes você começar a se proteger do sol, melhor!

Redação: Raquel Carletto

Temas relacionados
Cabelos renovados

Saiba como usar leave-in nos fios